Chevrolet Onix (segunda geração)

Onix

 

Participe: opine sobre seu carro

 

[Nome] Tiziu
[Cidade] Sorriso
[Estado] MT

[Modelo] Chevrolet Onix
[Versão] LTZ
[Motor] 1.0T
[Ano-modelo] 2020
[Quilometragem atual] 5.000 km
[Combustível] Flexível
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito(a)

[Estilo] 5
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 4
[Capacidade de bagagem] 4
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 4
[Câmbio] 4
[Freios] 4
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Carro muito prazeroso de dirigir, a posição é muito confortável e o volante é alinhado com o peito. Minha filha também está gostando muito, a ponto de preferir andar no Onix do que no Corolla. O desenho externo também me agrada muito, junto com o visual interno. O painel é simples, mas dotado de muitas informações. Enfim, para quem gosta de dirigir, é um carro muito divertido.

[Principais aspectos negativos] Basicamente dois: rangidos nas peças plásticas do acabamento interno e a eficiência dos faróis. Os ruídos internos são irritantes. Depois de 10h na estrada viajando, gosto de um pouco de silêncio absoluto. Mas o carro não colabora nesse ponto. Quanto às lâmpadas, creio que a própria GM reconhece que os faróis deixam a desejar, pois oferece como acessório nas concessionárias uma “lâmpada super branca”. Ora, porque não vem de fábrica? Que cobrem R$200,00 a mais no carro, mas entreguem um farol decente.
Lembrei de um 3º ponto: o carro não vem com filtro de cabine!!! Reconheço que a maioria não se importa com um ou outro rangido, mas tem gente que desiste da compra em razão desse motivo. E, mesmo levando em consideração a proposta do carro, de ser um hatch popular, o aspecto do carpete interno é muito pobre… Finalizando, não gosto da pressão dos pneus definido pela GM. 35 lbs/psi deixa o carro muito “seco” e só fica confortável em asfalto liso impecável. Ou seja, em poucos lugares.

[Defeitos apresentados] Nenhum defeito até aqui.

[Concessionárias] Até o presente momento, tem me atendido de maneira muito cordial e eficiente.

[Comentários adicionais] Uma qualidade acaba sendo anulada por um detalhe tosco. E começa a pesar na balança da decisão. Quero dizer que o carro é formidável para dirigir, andar, viajar, consumo, etc… Mas creio que no século XXI já exista tecnologia em materiais isolantes capazes de impedir a produção de ruídos dentro de um carro, mesmo que seja um popular. O carro já saiu da concessionária rangendo o forro das portas dianteiras. Até o rangido é original de fábrica! Porém, não é exclusivo da GM. Todos os carros fazem algum tipo de ruído. E todas as marcas são displicentes nesse quesito.

[Best Cars] Leitura muito agradável e descontraída, com qualidade da informação. E esta seção me ajudou quando fui procurar uma opção no mercado.

[Data de publicação] 10/7/20

 

 

[Nome] Luiz Fernando
[Cidade] Águas Claras
[Estado] DF

[Modelo] Chevrolet Onix
[Versão] Hatch Premier
[Motor] 1.0 Turbo
[Ano-modelo] 2020
[Quilometragem atual] 5.000 km
[Combustível] Gasolina
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Parcialmente satisfeito(a)

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 3
[Capacidade de bagagem] 4
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 4
[Câmbio] 3
[Freios] 4
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] O carro apresenta acabamento bem executado, sem rebarbas aparentes, com boa dose de texturas e cores utilizadas no acabamento para transmitir maior impressão de refinamento. O conforto acústico é elogiável em qualquer velocidade e rotações do motor, assim como as portas são super leves e fecham ao menor esforço e possuem batidas abafadas, demonstrando o cuidado da GM.
Sobre o motor destaco o funcionamento surpreendentemente suave, linear e silencioso. A estabilidade impressiona pelo fato de a carroceria não inclinar e não “escapar” de dianteira em curvas, ainda que sinuosas, possuindo assim bastante previsibilidade de comportamento nessas situações. De modo geral, a dirigibilidade é afiada, uma vez que a sensibilidade da direção elétrica está bem ajustada às necessidades de conforto na cidade e de segurança na estrada.
A segurança passiva também merece reconhecimento especial, pelos 6 airbags, controles de tração e estabilidade, ABS, EBD, câmeras de ré, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro e sensores de aviso de cintos desafivelados para todos os ocupantes. Em relação à tecnologia, o sistema On Star oferece serviço de localização do veículo em caso de sinistro e aviso de tentativa de furto ao veículo, possui assistente de estacionamento, multimídia de 7 polegadas intuitiva e rápida , com boa integração às as funções do carro, carregamento de celular por indução.

[Principais aspectos negativos] Espaço para pernas do banco traseiro é bem apertado, para um carro com entre eixos de 2,55. Porém, para ombros e cabeça estão ok. O cumprimento dos bancos na região das coxas é extremamente curto para todos os assentos e chega a ser cansativo em viagens longas. O câmbio automático possui trocas manuais por botões na alavanca, nada prazerosos, nem intuitivos, menos ainda funcionais e eficientes, já que por vezes se pressiona os botões e sente-se a demora do câmbio em efetuar as passagens de marcha. Dessa forma, era melhor nem ter os botões ou disponibilizar a troca por borboletas, atrás do volante, que permitiriam maior controle do motorista e melhor prazer ao dirigir.
Algumas vezes, a transmissão automática revela trancos em baixa velocidade, sentidos dentro do habitáculo por todos. Além disso, em situações de arrancadas, reduções de velocidade e ultrapassagens o lag entre acionamento do acelerador e funcionamento do câmbio automático é evidente e transmite uma sensação de desconforto. Uma reprogramação do câmbio ou remapeamento do acelerador poderiam resolver essa questão bem incomoda. As portas traseiras poderiam ter o mesmo acabamento em bege das dianteiras, assim como no Sedan, embora isso seja um detalhe, mas ficaria mais harmonioso. A tampa do porta objetos central poderia ser corrediça, como no Polo. Poderia ter mais porta objetos na cabine, pois o local onde se carrega o celular por indução só pode ser utilizado pelo ele.

[Defeitos apresentados] Não diria defeitos, mas conduzi o carro até uma concessionária para realizar um recall.

[Concessionárias] Fiquei bem surpreso ao descobrir que a rede GM não oferece mais o serviço de transporte de clientes para serviços realizados na s concessionárias. Tive um Ford Ka 2015 e sempre fui muito bem atendido na rede e lá havia esse serviço ao cliente. Nesses pontos a GM tem muito a evoluir.

[Comentários adicionais] Tentei oferecer uma análise detalhada para auxiliar a decisão de compra de quem possa estar em dúvida.

[Best Cars] Site excelente, com espaços democráticos, independentes e análises relevantes e técnicas que facilitam muito a decisão de compra.

[Data de publicação] 6/3/20

[Nome] Alexandre Gomes da Silva
[Cidade] Rio de Janeiro
[Estado] RJ

[Modelo] Chevrolet Onix
[Versão] LTZ Hatch
[Motor] 1.0 tb
[Ano-modelo] 2020
[Quilometragem atual] 1.000 km
[Combustível] Flexível
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito(a)

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 3
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 5
[Câmbio] 5
[Freios] 4
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Consumo excepcional para o desempenho do conjunto motor x câmbio. Por falar em câmbio, esse manual de 6 marchas da Chevrolet está no mesmo nível dos câmbios manuais da VW. Tive um Up! tsi e o considero o Ônix tb hatch manual como a evolução do Up!: mesmo desempenho e consumo, com muito melhor segurança nas curvas, conforto e itens de conveniência.

[Principais aspectos negativos] Versão LTZ peca por não trazer AC digital nem DRL, ambos de série na versão Premier, que não é oferecida com câmbio manual. Porta-objetos alto, diminui espaço para troca das marchas (2-4-6). Falta espaço para descansar/apoiar o pé esquerdo.

[Defeitos apresentados] Por enquanto, nada.

[Comentários adicionais] Carro para aqueles que ainda apreciam dirigir. Conjunto motor x câmbio acima da média no segmento. Ainda sobre seu posicionamento dentro do seu segmento, considero porta-malas e espaço interno bem razoáveis. Quem quer mais, parte pro Ônix Plus e pronto! Considerei a compra de um Polo tsi, mas câmbio automático com conversor de torque ou câmbio CVT não casam comigo… rsrs

[Best Cars] Referência há muito tempo…..

[Data de publicação] 24/1/20