Fiat – anteriores

Fiat - anteriores

 

Balilla: errou na ideologia, mas acertou no que o público queria

Topolino: o pequeno Fiat que deu rodas ao povo italiano

500: recriado aos 50 anos, desenvolveu uma empatia única

600: o “Fitito” deu origem à primeira minivan compacta

850: com praticidade e economia, deu origem a uma família

1100: modelo europeu continuou por três décadas na Índia

1400 e 1900: trouxeram renovação à marca no pós-guerra

1800/2100, o italiano dos anos 60 com estilo americano

 

Fiat - anteriores

 

124: o retilíneo sedã cruzou muitas fronteiras e veio ao Brasil

126, o “bebê” nascido na Itália e adotado pelos poloneses

127: base para o 147 brasileiro, teve mais opções

128, sedã “quadrado” no estilo, mas com motor transversal

130: competiu com marcas de prestígio e teve versão cupê

131, sucesso nas ruas e nas pistas com a preparação Abarth

132: um sedã amplo em uma fase de intensa renovação

 

Fiat - anteriores

 

Panda: econômico Fiat com muitas versões e até tração 4×4

Ritmo: levou ao formato dois-volumes no segmento médio

Croma: Fiat de luxo teve vida longa, mas não fez um sucessor

Dino: o carro esporte com belas linhas e motor V6 de Ferrari

X 1/9: o mais vendido esportivo de motor central

8V: nos anos 50, usou o único motor V8 da marca

Campagnola: um jipe conquistou os italianos com simplicidade

 

SEM COMENTÁRIOS