Toyota Camry, líder nos EUA, chega redesenhado a NY

Toyota Camry 2015 00

 

Sem repousar sobre os louros da vitória depois de 12 anos de liderança do mercado norte-americano de automóveis (sem considerar picapes), o Toyota Camry chega ao Salão de Nova York com amplas modificações que somam 2.000 componentes, segundo a marca japonesa. O modelo fabricado nos EUA (que tem desenho mais jovial que o vendido no Brasil) manteve para 2015 apenas o teto da geração lançada em 2011: todos os demais painéis de carroceria foram refeitos, com destaque para o aspecto esportivo da versão XSE, aqui mostrada em vermelho (a mais conservadora XLE está em prata).

 

 

O interior teve o nível de ruído reduzido e ganhou conveniências, com um carregador sem fio para determinados celulares inteligentes. Os auxílios ao motorista incluem controlador da distância à frente, comutação automática entre os fachos alto e baixo dos faróis, alerta para evasão da faixa de rolamento e sistema que detecta a iminência de uma colisão. Ao lado de aprimoramentos em suspensão e direção, o Camry mantém os motores 2,5-litros de quatro cilindros, V6 de 3,5 litros (ambos com caixa automática de seis marchas) e o 2,5 associado a um elétrico na versão Hybrid, que usa câmbio CVT. O XSE vem com rodas de 18 pol e suspensão mais firme que os demais.

Mais do Salão de Nova York 2014

 

Texto: Fabrício Samahá – Fotos: divulgação