Mercedes-Maybach vai a 6,5 metros em versão Pullman

Mercedes-Maybach Pullman 01

 

O Mercedes-Benz 600 Pullman da década de 1960 é lembrado como um dos carros mais sofisticados a seu tempo, tanto no interior quanto na parte mecânica, que a marca da estrela já produziu. Assim, foi natural que o nome Pullman reaparecesse na versão mais luxuosa do novo Mercedes-Maybach S 500/S 600 (com lançamento no próximo mês no Salão de Genebra), o derivado do Classe S que trouxe de volta a marca Maybach, em desuso desde 2012.

 

 

Com 6,5 metros de comprimento, o novo Pullman acrescenta 1,05 m ao Mercedes-Maybach conhecido e chega a 4,12 m de entre-eixos (o comprimento de um sedã pequeno). Esse espaço abundante foi aproveitado para instalar mais dois bancos voltados para trás, que compõem uma sala de estar ou de reuniões com os assentos originais, virados para frente. Como esperado em uma limusine, um vidro com acionamento elétrico separa o motorista dos seletos passageiros, servindo de apoio para uma tela de vídeo de 18,5 polegadas.

Todo o ambiente traseiro é revestido em couro, até mesmo o forro de teto, e há amplas opções de personalização. Se preferir, o comprador do Pullman pode configurá-lo com apenas duas poltronas como as usadas na primeira classe dos aviões, reclináveis a até 43 graus. Quando acordados, os ocupantes podem acompanhar informações como velocidade e temperatura externa em um painel junto ao teto e ouvir o sistema de áudio Burmester com efeito 3D. A versão mantém o motor V12 de 6,0 litros com dois turbos, potência de 530 cv e torque de 84,6 m.kgf, que chega a parecer modesto para tanto luxo e peso.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação