BMW M2 Coupe estreia com seis-cilindros de 370 cv

BMW M2 10

 

A BMW lança um sucessor espiritual para cupês de alto desempenho como o 2002 Turbo, de 1973, e o primeiro M3 da geração E30, de 1987. O M2 Coupe, versão mais potente do Série 2, chega com potência de 370 cv e torque de 47,5 m.kgf no turbo de seis cilindros e 3,0 litros, valores que o colocam entre o M 235i (326 cv e 45,9 m.kgf) e os M3 e M4 (431 cv e 56,1 m.kgf), todos de mesma cilindrada. O torque chega a 51 m.kgf, porém, durante a sobrepressão temporária (overboost) do turbo. Com câmbio de dupla embreagem e sete marchas (em alternativa ao manual de seis) e tração traseira, o M2 acelera de 0 a 100 km/h em 4,3 segundos e alcança 250 km/h, velocidade limitada pela central eletrônica. No anel norte do circuito alemão de Nürburgring o M2 registrou o tempo de 7 minutos e 58 segundos, afirma a BMW, o que o coloca 7 s à frente do M3 da geração anterior e 14 s adiante do antecessor 1 M Coupe.

 

 

O Série 2 foi amplamente revisto para ingressar na família M, com suspensões dianteira e traseira mais leves (cedidas pelos M3 e M4), diferencial com controle eletrônico, rodas de alumínio forjado de 19 polegadas, freios de compósito e controle de estabilidade com o modo mais permissivo M Dynamic Mode. O visual acompanha o desempenho com grandes tomadas de ar frontais, quatro saídas de escapamento e aplicações de fibra de carbono e camurça sintética no acabamento interno.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação