Sofie, a VW Kombi mais antiga em circulação, faz 70 anos



A Volkswagen Kombi mais antiga ainda em existência acaba de completar 70 anos. O furgão Transporter azul com chassi número 20-1880 foi fabricado em 5 de agosto de 1950 (cinco meses após o início da produção do modelo) na fábrica de Wolfsburg e entregue em Hildesheim (ambas as cidades na Alemanha) para começar sua carreira de trabalho.




Depois de 23 anos de serviços, o utilitário passou por alguns colecionadores até que, em 1992, um dinamarquês o comprou por telefone, sem saber que a numeração do chassi fazia daquele o mais antigo ainda em circulação. O comprador deu ao veículo o apelido carinhoso de Sofie, o mesmo do primeiro Transporter vendido na Dinamarca. O furgão tem motor de 1,1 litro e 25 cv e sua traseira dispensa para-choque (não exigido para utilitários na época) ou mesmo a porta de carga. A tampa única, hoje conhecida como barn door (porta de celeiro), dá acesso ao motor e ao estepe no mesmo compartimento.



Depois de uma restauração completa entre 2000 e 2003, Sofie levou seu dono por vários países europeus para encontros de Volkswagen e da Kombi, que os alemães em geral tratam por Bulli. Em 2014 o pioneiro furgão era integrado à coleção da VW Commercial Vehicles (veículos comerciais VW), em Hannover. Hoje tem 121 mil km rodados.

Texto da equipe – Fotos: divulgação