Segredo: novo Ford Fiesta SE com câmbio Powershift

 

A fabricação do Fiesta de última geração na unidade de São Bernardo do Campo, SP, já foi confirmada pela Ford, mas a empresa ainda não anuncia em seu site quais as versões que serão oferecidas do hatchback (o sedã, ao menos por enquanto, seguirá importado do México). O Best Cars havia revelado em janeiro a versão S, a mais simples do modelo, e agora traz fotos de um Fiesta SE com o câmbio automatizado de dupla embreagem Powershift (já usado no EcoSport), como deixa claro o logotipo aplicado ao lado esquerdo da tampa traseira, abaixo da designação do motor de 1,6 litro. As fotos são do colaborador Paulo de Araújo.

 

 

Além dos logotipos, o Fiesta fotografado agora tem diferenças como os faróis de neblina, frisos cromados na grade dianteira, rodas de alumínio (que parecem ser de 15 pol) e repetidores das luzes de direção nos retrovisores. Embora não tenha sido possível ver melhor o interior, pois o carro estava em movimento, espera-se que a versão SE tenha acabamento mais agradável que o da S, um tanto espartana em revestimento e decoração.

De acordo com os dados do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), tanto o Fiesta S quanto o SE usam o motor Sigma de 1,5 litro e 16 válvulas, inédito no Brasil, com câmbio manual. O SE Powershift usa o atual Sigma 1,6 16V, motor empregado na versão Titanium, mais luxuosa, com ambos os câmbios. Esta deve vir ainda com itens como rodas de 16 pol e revestimento interno em couro, oferecidos hoje no SE mexicano.

Flagrou um carro em testes? Envie-nos!

 

Texto: Fabrício Samahá – Fotos: Paulo de Araújo