Porsche revela novo Cayenne: conheça as novidades

 

O Porsche Cayenne de terceira geração, que teve fotos antecipadas na imprensa na sexta-feira (25), tem sua apresentação oficial. Se nada mais se pode acrescentar em estilo, vale destacar a tela de 12,3 pol no painel com numerosas funções, que reduz o número de botões físicos, e as duas telas de 7 pol no quadro de instrumentos ao lado do conta-giros analógico. Recursos de auxílio ao motorista passam por condução semiautônoma em trânsito lento, sistema de visão noturna e assistentes para manter a faixa da via e sair dela. Os faróis usam leds de série e podem ter iluminação adaptativa às condições e ao tráfego.

 

 

Por enquanto apenas duas opções são lançadas: Cayenne, com motor V6 biturbo de 3,0 litros, potência de 340 cv e torque de 45,9 m.kgf, e Cayenne S, com um V6 biturbo de 2,9 litros, 440 cv e 56,1 m.kgf. O S acelera de 0 a 100 km/h em 4,9 segundos, menos 1 s que o básico, ambos com caixa automática de oito marchas e tração integral. A nova plataforma, compartilhada com Audi Q7 e Bentley Bentayga, reduziu o peso em 65 kg para 1.985 kg na versão básica.

Novos são os freios com revestimento de carbeto de tungstênio nos discos de ferro, que obtêm maior atrito, menor desgaste e sujam menos as rodas, segundo a Porsche. Como opção permanecem os de carbono-cerâmica. Pela primeira vez o Cayenne pode ter rodas traseiras esterçantes e pneus mais largos nesse eixo que no dianteiro. Os preços começam em 74,8 mil Euros para o básico e 91,9 mil para o S na Alemanha.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação