Porsche Cayman e Boxster GTS voltam ao seis aspirado

 

O clássico motor aspirado de seis cilindros opostos, que havia dado lugar a um quatro-cilindros turbo, volta a ganhar espaço na linha Porsche 718, composta pelo cupê Cayman e o roadster Boxster. Antes, era preciso optar pelos caros 718 Spyder e Cayman GT4 para ter os cilindros a mais. Agora há duas opções mais acessíveis: o 718 Boxster GTS 4.0 (em verde) e o 718 Cayman GTS 4.0 (em vermelho).

 

 

 

O boxer aspirado de seis cilindros e 4,0 litros produz 400 cv e torque de 42,8 m.kgf. A potência é mais alta que nos GTS turbo de quatro cilindros e 2,5 litros (365 cv), que no entanto têm mais torque (43,9 m.kgf). Comparados ao GT4 e ao Spyder, os novos GTS têm 20 cv a menos e igual torque. Com transmissão manual de seis marchas, sem opção pela automatizada PDK, os dois carros aceleram de 0 a 100 km/h em 4,5 segundos e chegam a 293 km/h.

 

 

O pacote GTS 4.0 inclui suspensão esportiva com controle eletrônico e altura de rodagem 20 mm menor, pacote Sport Chrono, rodas de 20 polegadas, vetorização de torque e freios maiores, que podem dar lugar aos de composto de cerâmica. O interior combina camurça sintética e fibra de carbono e dá opção por sistemas de áudio Bose e Burmester. Na Alemanha, os preços começam em € 81.926 para o 718 Cayman GTS 4.0 e € 83.949 para o 718 Boxster GTS 4.0.

Texto da equipe – Fotos: divulgação