Infiniti Q50: em Detroit, o sedã que vem ao Brasil

Infiniti Q50: em Detroit, o sedã que vem ao Brasil

 

Infiniti Q50: em Detroit, o sedã que vem ao BrasilA Infiniti, divisão de luxo da Nissan, lança no Salão de Detroit um dos modelos destinados à importação pelo Brasil no próximo ano, quando a marca faz sua estreia por aqui (os outros serão utilitários esporte). O sedã de luxo Q50 representa a sucessão do modelo G (e não, como a letra “q” faria supor, o retorno do topo de linha Q45 que saiu de produção em 2006).

 

 

Dotado de motor V6 de 3,7 litros, que produz potência de 328 cv e torque de 37,2 m.kgf, o Q50 terá ainda uma versão híbrida com um V6 de 3,5 litros e 296 cv combinado a um motor elétrico para potência combinada de 354 cv. Está prevista opção entre tração traseira e integral. O baixo Cx 0,26 é um destaque, assim como a direção adaptativa, com quatro modos de operação, que não usa a ligação convencional entre volante e rodas existente em qualquer carro. O monitor de faixa de rolamento, que usa câmeras, alerta o motorista em caso de evasão da faixa e faz pequenas correções.

 

Texto: Fabrício Samahá – Fotos: divulgação