Nio ET7: sedã faz 1.000 km sem recarga e tem troca rápida

Nio ET7: sedã faz 1.000 km sem recarga e tem troca rápida


Depois do supercarro EP9 e dos utilitários esporte ES6, ES8 e EC6, a chinesa Nio apresenta seu primeiro sedã: o ET7, também elétrico. De perfil fastback e linhas elegantes, o ET7 tem ótima aerodinâmica (Cx 0,23) e interior minimalista, com as telas da central de áudio e dos instrumentos destacadas sobre o painel. Ventilação e massagem estão disponíveis nos bancos dianteiros e traseiro.

Nio ET7: sedã faz 1.000 km sem recarga e tem troca rápida


O sistema de direção semiautônomo usa câmera com resolução de 8 megapixels (bem superior à de 1,2 megapixel da Tesla) e sensores lidar com laser de 1.550 nanômetros e alcance de até 500 metros. O novo NIO usa motor elétrico de 653 cv (480 kW) e torque de 86,7 m.kgf, o bastante para acelerar de 0 a 100 km/h em cerca de 4 segundos. A bateria da versão básica tem capacidade de 70 kWh e autonomia de 500 km, enquanto a de 100 kWh permite rodar 700 km e a de 150 kWh alcança nada menos que 1.000 km.


Baterias tão poderosas certamente custam caro, não? Acertou. Por isso o ET7 é vendido sem bateria por 378 mil remimbi na China (cerca de R$ 320 mil pela cotação atual), preço sem os subsídios do governo. A bateria deve ser alugada. Para vir com ela o valor do carro passa a 448 mil remimbi (cerca de R$ 378 ml), mas as entregas só começam no início de 2022.

Nio ET7: sedã faz 1.000 km sem recarga e tem troca rápida


Por ser alugada, a bateria pode ser trocada quando estiver com baixa carga em uma estação de troca, anunciada como o mais rápido do mundo: leva apenas 3 minutos incluindo as verificações da bateria e do sistema. A estação é compacta, cerca de 3 vagas de estacionamento, e cada uma pode acomodar 13 baterias e realizar até 312 trocas por dia. A Nio espera que seu número total de estações chegue a 500 até o fim do ano.

Texto da equipe – Fotos: divulgação