Mercedes Classe G celebra 35 anos e volta ao mundo

Mercedes G Edition 35

 

Um veículo alemão que há décadas mantém o estilo sem perder o prestígio. Não estamos falando do longevo Porsche 911, mas de seu conterrâneo Mercedes-Benz Classe G, que ao longo dos anos obteve poucas mudanças visuais, mas com interior e dispositivos eletrônicos em sintonia com o que há de mais moderno entre os utilitários do mundo todo. Agora o Classe G comemora 35 anos com uma série especial, a Edition 35, oferecida nas versões G 350 Bluetec a diesel e G 500 a gasolina.

O utilitário, que está disponível nas cores branca, preta e prata, recebe rodas de 18 pol, teto, para-choques e retrovisores em preto brilhante e pacote AMG com molduras alargadas nos para-lamas. O interior vem com bancos em preto com costuras vermelhas, painel revestido em couro, volante da linha AMG e forro do teto em microfibra.

 

 

As alterações não afetam a mecânica, que usa um motor V6 de 3,0 litros turbodiesel com potência de 211 cv no G 350 Bluetec e um V8 a gasolina de 5,5 litros com 387 cv no G 500. A Mercedes já trabalhou bastante no Classe G durante esses 35 anos. Entre as muitas variações (de três e cinco portas, conversível e outras), uma das mais curiosas foi a recente G 63 AMG 6×6, com motor 5,5-litros V8 biturbo de 536 cv e 77,3 m.kgf, capaz de fazer a prova de 0 a 100 km/h em 6 s, apesar do peso de caminhão: 3.775 kg!

A edição coincide com outra comemoração relacionada ao Classe G: a conclusão da volta ao mundo que o alemão Gunther Holtorf e sua esposa Christine deram com um 300 GD (o modelo azul claro das fotos). Foram 26 anos de visitas a 215 países e um total de 900 mil km. O utilitário, batizado de Otto, será exposto no Mercedes-Benz Museum em Stuttgart.

 

Texto: Jonathan Machado – Fotos: divulgação