McLaren Elva: novo supercarro de 815 cv sem para-brisa

 

A McLaren tem um novo carro esporte de topo: o Elva, que se soma ao P1 e ao Senna no grupo de elite dos esportivos da marca inglesa. Trata-se de um roadster sem para-brisa, capota ou vidros laterais, com chassi de fibra de carbono e motor V8 biturbo de 4,0 litros com 815 cv e torque de 81,6 m.kgf. Com o menor peso entre os carros de rua da empresa (ainda não divulgado), ele anuncia aceleração de 0 a 100 km/h em menos de 3 segundos e de 0 a 200 em 6,7 s, menos tempo que o Senna.

 

 

 

O Elva terá apenas 399 unidades. O nome vem do construtor de Sussex do Leste (Inglaterra) cujo chassi foi usado como base para os carros esporte M1A , M1B e M1C da McLaren na década de 1960. A ausência de para-brisa foi permitida pelo Sistema Ativo de Gerenciamento de Ar (AAMS), que orienta o ar através de uma grande entrada na frente do carro, saindo logo à frente da cabine. Com isso o ar é canalizado para cima dos ocupantes, como em um defletor invisível. Segundo a empresa, capacetes não são necessários para dirigir o carro, mas um para-brisa fixo será oferecido como opção. O Elva usa portas “asas de gaivota” de fibra de carbono, sistema de telemetria, transmissão de dupla embreagem e sete marchas e freios de carbono-cerâmica. A tração é apenas traseira.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação