Land Rover Discovery Sport vem substituir Freelander

Land Rover Discovery Sport 01

 

Salão de ParisA Land Rover apresenta o Discovery Sport, sucessor de duas gerações do Freelander como utilitário esporte compacto da marca inglesa. Como já aconteceu com o Range Rover e o Range Rover Sport, seu estilo inspirou-se no do Evoque, mas com diferenças o bastante para evitar qualquer confusão entre eles. A carroceria combina aço e alumínio e pode levar até sete pessoas em configuração 5+2, ou seja, espaço para duas crianças ou temporário para adultos nos bancos suplementares. O Sport mede 4,59 metros de comprimento e 2,74 m entre eixos.

 

 

O interior traz recursos como tela central de 8 pol, sistema de áudio com até 11 alto-falantes, comandos de trocas de marcha no volante, telas de vídeo nos encostos dianteiros e um amplo teto envidraçado. Aplicativos de um celular inteligente podem ser usados pela tela central. Auxílios ao motorista incluem controlador de distância à frente com frenagem automática (chega a aplicar força máxima nos freios em baixa velocidade para evitar uma colisão iminente), assistente para estacionar, leitura de placas da via, alerta para evasão da faixa de rolamento e monitor de reboque.

O motor turbo de 2,0 litros é o mesmo do Freelander e do Evoque, com potência de 240 cv e torque de 34,7 m.kgf, associado de série a um câmbio automático de nove marchas (que usa comando giratório em vez de alavanca, como habitual na marca) com tração integral. Além do sistema Terrain Response, que adapta vários parâmetros do carro a diferentes tipos de terreno, o novo membro da família Discovery tem controle de velocidade em declive e controle de estabilidade que monitora o risco de capotamento e age para evitá-lo.