Kia Rio 2021: retoques no visual e sistema híbrido leve

 

O Kia Rio demorou tanto a chegar ao Brasil (foi anunciado há 20 anos) que, mal estreou por aqui, já tem modificações para o mercado europeu. As mudanças de estilo são discretas, como grade e para-choques. O interior ganhou novos materiais com aspecto superior, tela de 8 polegadas na central de áudio e um pacote de personalização com seções coloridas nos bancos e portas. Entre as assistências ao motorista estão reconhecimento de pedestres e ciclistas com frenagem automática, monitor de pontos cegos, assistência de faixa e alerta de atenção do condutor.

 

 

 

Maiores novidades estão na mecânica: o Rio agora usa um sistema híbrido leve de 48 volts, chamado de Eco Dynamics Plus, com auxílio elétrico para o motor TGDI de 1,0 litro e três cilindros, o mesmo do Hyundai i20 e de nosso HB20. Há escolha entre 100 e 120 cv com torque ampliado para 20,4 m.kgf no mais potente. Curiosa é a transmissão manual inteligente (IMT), inédita na marca, que mantém as mudanças por alavanca e o pedal de embreagem, mas a ligação deste à embreagem tem controle eletrônico para reduzir o consumo e as emissões. Motores convencionais a gasolina também estão disponíveis: o 1,0 turbo de 100 cv e o 1,2 aspirado de 84 cv. O turbo pode vir com transmissão de dupla embreagem e sete marchas.

Texto da equipe – Fotos: divulgação