Jaguar traz I-Pace, seu primeiro elétrico, por R$ 437 mil

 

A Jaguar lança no Brasil I-Pace, seu primeiro carro elétrico. Anunciado como um SUV, ele chega em versão única com preço a partir de R$ 437.000. Com tração nas quatro rodas, o modelo traz dois motores elétricos de ímãs permanentes que desenvolvem juntos 400 cv e torque de 69,6 m.kgf, o bastante para acelerar de 0 a 100 km/h em 4,8 segundos. O sistema de transmissão é direto, de velocidade única, e a velocidade máxima é de 200 km/h. Ele é produzido em Graz, na Áustria, em uma parceria com a Magna Steyr.

 

 

O I-Pace vem equipado com baterias de íon de lítio de 90 kWh, que permitem autonomia de até 470 km de acordo com a norma europeia WLTP. Quando conectado a um carregador rápido de 100 kW, o modelo alcança 80% do nível de carga das baterias em apenas 40 minutos. Em carregador padrão de 7 kW, os mesmos 80% de carga requerem 10 horas de carregamento.

 

 

Esse é o primeiro Jaguar a oferecer a central de áudio Touch Pro Duo, com duas telas sensíveis ao toque, como no Range Rover Velar, e compatível com Apple Car Play e Android Auto. Funções como ar-condicionado, áudio e modo de condução são controladas por dois botões giratórios. O quadro de instrumentos é uma tela de 12 pol de alta resolução em TFT e há projeção de informações no para-brisa. A tecnologia Smart Settings registra o estilo de condução do motorista, a fim de adaptar o veículo às necessidades de cada um. Por meio da conexão Bluetooth entre o telefone do proprietário e o veículo, ajustes de banco, temperatura e modo de condução podem estar prontas antes mesmo de o motorista entrar no carro.

O I-Pace tem estrutura de carroceria leve de alumínio, coeficiente aerodinâmico (Cx) 0,29, maçanetas embutidas e faróis de leds. O carro tem comprimento de 4,682 metros, largura de 2,011 m, altura de 1,565 m e distância entre eixos de 2,990 m. O peso é de 2.208 kg. A ausência de túnel de transmissão proporcionou um porta-objetos central com capacidade de 10 litros. O porta-malas tem capacidade para até 656 litros, que pode ser ampliada para 1.453 litros com os bancos rebatidos.

 

 

O motorista pode selecionar entre níveis alto e baixo de frenagem regenerativa. No modo mais alto pode-se dirigir com um único pedal, pois a velocidade diminui conforme o pedal do acelerador é levantado. Assistência ao condutor incluem controlador de distância à frente e assistentes de ponto cego e de estacionamento. Para proteção de pedestres, o novo Jaguar traz capô destacável, frenagem autônoma de emergência com detecção de pedestres e ciclistas e alerta audível, com um som que pode ser ouvido a velocidades de até 20 km/h.

 

 

As primeiras unidades têm um pacote de opcionais que inclui teto panorâmico fixo, rodas de 20 pol e sistema que permite a sincronização de aplicativos do celular com o veículo. Assim equipado, é vendido a R$ 449.190. As três primeiras revisões, a cada 24 meses ou 34 mil quilômetros, não terão custos e a garantia é de cinco anos. Pelo mesmo período o comprador tem cobertura total de atendimento em caso de pane ou falta de carga de bateria. Esta tem garantia total de oito anos ou 160 mil km, o que ocorrer primeiro. Ao final do período, a Jaguar garante no mínimo 70% de capacidade de carga.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação