Hyundai Neptune: caminhão de conceito a hidrogênio

 

O mais novo veículo conceitual da Hyundai não é um carro, mas um caminhão: o HDC-6 Neptune, um cavalo mecânico que usa hidrogênio para alimentar uma pilha a combustível. Com planos de chegar ao mercado em 2023, o Neptune foi apresentado na feira de veículos comerciais de Atlanta, na Geórgia, EUA. A Hyundai deve entregar ainda este ano seus primeiros 1.600 caminhões a hidrogênio para empresas na Suíça, mas o HDC-6 é um projeto mais bem avançado em estilo e soluções.

 

 

Entre os recursos do caminhão estão o painel frontal com leds que pode exibir o emblema da empresa, degraus de acesso retráteis (recolhem-se em movimento para melhor aerodinâmica), porta corrediça e colunas dianteiras “transparentes”, que usam telas para mostrar o que está do outro lado. O interior tem ainda câmeras de monitoramento do motorista, cozinha, chuveiro, vaso sanitário e cama para dois lugares. Um modo autônomo também foi previsto, condição em que o para-brisa pode ser usado como uma enorme tela de vídeo.

 

 

O Neptune usa duas pilhas a combustível do SUV Hyundai Nexo, cada uma com motor elétrico de 127 cv, o que resulta em 254 cv combinados. A marca admite que é pouco e prevê algo como 470 cv em uma versão de produção. O caminhão-conceito usa quatro tanques de hidrogênio comprimido, para autonomia de até 1.280 km, e até oito tanques poderiam ser adotados para alcance adicional.

Texto da equipe – Fotos: divulgação