Honda CR-V: mais ousado e com motor turbo de 190 cv

 

O Honda CR-V chega à quinta geração com desenho ousado e o primeiro motor turbo a gasolina em seus 20 anos de história, a maior parte deles com oferta também no mercado brasileiro. O utilitário esporte ganhou traços fortes e soluções de estilo peculiares, como as lanternas traseiras em forma de “L”. Pouco maior, o CR-V adota entre-eixos 4 cm mais longo, mas conseguiu perder peso.

 

 

O interior recebe quadro de instrumentos que lembra o do novo Civic e tela central (de 7 pol) com sensação de flutuar sobre o painel. Conveniências incluem áudio compatível com Car Play e Android Auto, aquecimento de bancos dianteiros e traseiro, ar-condicionado de duas zonas, comando elétrico do freio de estacionamento e partida remota do motor.

O motor aspirado de 2,4 litros com injeção direta e 184 cv do modelo anterior (não disponível no Brasil, que o recebe com um 2,0 de injeção indireta e 150/155 cv) foi mantido, mas versões superiores do CR-V ganham o turbo de 1,5 litro do Civic ajustado para 190 cv (ante 173 do sedã), ambos associados a uma caixa de variação contínua (CVT). A tração permanece dianteira com opção pela integral sob demanda. As vendas começam no fim do ano nos Estados Unidos e, acreditamos, dentro de um ano no Brasil.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação