Hyundai renova Genesis G80 contra BMW e Mercedes

 

A Genesis, divisão de luxo da Hyundai, apresenta a nova geração do sedã G80 com um desenho ousado e polêmico, que inclui enorme grade dianteira em forma de pentágono e o mesmo padrão de faixas nos faróis, nos apliques dos para-lamas dianteiros e nas lanternas traseiras. O perfil de teto fastback e as rodas de 20 polegadas buscam um ar mais esportivo ao sedã, que compete no segmento de Audi A7 Sportback, BMW Série 5 e Mercedes-Benz Classe E, com 4,99 metros de comprimento e 3,01 m entre eixos.

 

 

 

Requintado e mais tradicional, o interior adota comodidades como bancos com células de ar que se ajustam conforme o modo de direção selecionado, correção automática de postura em longos trajetos, sistema de massagem, ventilação e aquecimento. O quadro de instrumentos digital usa tecnologia 3D, que dispensa o uso de óculos, e é complementado por projeção de informações no para-brisa. A central de áudio tem tela de 14,5 pol e o sistema de estacionamento pode ser acionado de fora do carro, dispensando o motorista.

 

 

Essa terceira geração do G80 mantém a tração traseira, com opção por integral, e usa alumínio em 19% da carroceria para redução de peso de 110 kg comparado ao antecessor. O motor V8 deixa de equipá-lo, mas há boas opções: um turbo de 2,5 litros e quatro cilindros (300 cv e torque de 43 m.kgf), um V6 turbo de 3,5 litros (380 cv e 54 m.kgf) e, em alguns mercados, um turbodiesel de quatro cilindros e 2,2 litros (210 cv e 45 m.kgf). A suspensão com controle eletrônico usa a tecnologia de pré-visualização da via, por uma câmera frontal, para detectar irregularidades, buracos e lombadas e se ajustar previamente.

Texto da equipe – Fotos: divulgação