Ford Ranger: três estrelas no teste do Latin NCap

 

A Ford Ranger passou pelo teste de colisão do instituto Latin NCap com avaliação apenas regular: três estrelas para proteção de adulto (30,62 pontos em 34 possíveis) e quatro para proteção de criança em cadeira específica (40,17 pontos em 49 possíveis). Vale notar que a versão analisada, produzida na Argentina como as vendidas no Brasil, tinha apenas bolsas infláveis frontais e de joelhos para o motorista: aqui o modelo 2017 da picape sai de série também com bolsas laterais e de cortina e controle eletrônico de estabilidade e tração, item também considerado no teste e que não equipava a versão analisada.

 

 

Segundo o Latin NCap, “a carroceria foi considerada estável e capaz de resistir maiores cargas. No impacto lateral, a Ranger foi capaz de manter os valores biomecânicos do motorista por baixo dos limites, oferecendo uma boa proteção ao corpo. O sistema de retenção infantil para crianças de três anos, instalado com ancoragens Isofix, foi capaz de evitar um excessivo deslocamento para frente no impacto. O desempenho dinâmico do SRI para crianças de 18 meses também foi bom”.

O instituto avaliou também o Chevrolet Sail, vendido em alguns mercados sul-americanos sem qualquer bolsa inflável, que ganhou nota zero para adulto e duas estrelas para criança.

 

Texto da equipe – Foto e vídeo: divulgação