Ford: Mustang Black Shadow e oito novidades em 2020

 

A Ford lança no Brasil a edição limitada Mustang Black Shadow, que celebra os 55 anos do carro esporte lançado em 1964, e anuncia mais oito lançamentos para 2020. A série, que começa a ser vendida no início do ano, vem com teto e aerofólio pretos, faixas exclusivas nas laterais e no capô (em prata no carro preto e em preto para outras cores de carroceria), novas rodas de 19 polegadas e emblema em preto na grade dianteira.

 

 

 

O interior ganha revestimento dos bancos e das portas em camurça sintética (Alcantara) com costuras especiais, acabamento de fibra de carbono no painel e logotipo alusivo aos 55 anos diante do passageiro. A edição não tem alterações técnicas: permanecem o motor V8 de 5,0 litros com 466 cv e a caixa automática de 10 marchas.

 

 

 

 

Dos oito novos produtos, a Ford confirma apenas o Territory (acima), utilitário esporte de tamanho médio que vem competir com o Jeep Compass. Ainda não se sabe se manterá o motor turbo de 1,5 litro e 145 cv, usado no mercado chinês, ou se receberá outra unidade para ficar mais perto da potência do concorrente (166 cv com álcool). Os demais lançamentos incluem, segundos a fábrica, “modelos elétricos, novas tecnologias e soluções de conectividade”.

 

 

Entre as possíveis novidades está o Kuga (acima), SUV derivado do novo Focus europeu, que viria como alternativa mais sofisticada e pouco menor que o Territory. A versão Storm da Ranger, revelada como estudo no Salão do Automóvel de 2018, é bem cotada para ser produzida, embora possa não ter todos os detalhes das fotos acima. Quanto ao Mustang Mach-E (abaixo), o SUV elétrico de alto desempenho recém-apresentado nos Estados Unidos, a Ford diz que está trabalhando com o objetivo de trazê-lo ao Brasil, sem falar em datas. Apostamos em 2021.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação