Ford Fusion começa por versão completa a R$ 113 mil

Ford Fusion começa por versão completa a R$ 113 mil

 

A Ford apresenta a segunda geração do Fusion, uma de suas atrações no Salão de São Paulo, que começa dia 24. O preço básico de R$ 113 mil vale para o primeiro lote de 400 unidades, que chega ao Brasil em dezembro, na versão Titanium com motor EcoBoost de 2,0 litros. Dotado de turbo e injeção direta, ele rende a potência de 240 cv e o torque de 34,7 m.kgf (entre 1.750 e 4.000 rpm), transmitidos a uma caixa automática de seis marchas com operação manual no volante e dela às quatro rodas pela tração integral. A versão substitui a V6 de 3,0 litros e 243 cv do modelo anterior.

 

 

O conteúdo de série do Titanium inclui oito bolsas infláveis (frontais, dianteiras laterais, dianteiros de joelho e laterais de cortina), freios antitravamento (ABS), controle de estabilidade, rodas de 18 pol com pneus 235/45, assistência elétrica de direção com compensação de vibrações e de torque, bancos de couro com ajuste elétrico nos dianteiros e memórias no do motorista, chave programável, freio de estacionamento elétrico, sistema de estacionamento automático, câmera de ré, comutador automático de facho dos faróis, auxiliar de manutenção na faixa, monitoramento de pontos cegos, assistência de partida em rampa, controlador de velocidade com alerta de colisão e acionamento dos freios, sistema de áudio Sync com tela LCD de 8 polegadas e comandos de voz (para funções de áudio, ar-condicionado, navegador e telefone), duas telas coloridas de 4,2 pol configuráveis no quadro de instrumentos. abertura e fechamento global dos vidros e computador de bordo.

Só em março faz sua estreia a versão de entrada, com motor Duratec flexível de 2,5 litros e cerca de 175 cv, já conhecido da nova Ranger; junto dela vem o Titanium com tração apenas dianteira. O Fusion Hybrid chega um mês depois com motor de 2,0 litros aspirado, motor elétrico e câmbio CVT.