Fora de linha na Índia, Toyota Etios agora é só brasileiro

Fora de linha na Índia, Toyota Etios agora é só brasileiro

 

O Toyota Etios saiu de linha na Índia, que foi seu primeiro mercado em 2010. O fim de produção era esperado desde novembro, quando o fabricante anunciou que não faria atualizações para atender às novas normas de emissões e segurança. Os modelos Etios sedã, hatch (Etios Liva, acima) e Cross acumularam cerca de 450 mil unidades no país.

 

 

Mais de 60% dos Etios vendidos aos indianos usavam um antigo motor a diesel de 1,4 litro, que poluía mais do que as novas regras permitem. Embora o motor a gasolina pudesse ser adequado aos padrões com menor custo, isso não esticaria muito a vida do pequeno Toyota, que não cumpre as normas de proteção de pedestres obrigatórias na Índia a partir de outubro. O primeiro Etios, o sedã, foi lançado naquele país em dezembro de 2010, seguido pelo Liva em junho de 2011 e pelo Cross em maio de 2014. O sedã teve aceitação mais duradoura por lá, apoiado em compradores de uso comercial e taxistas.

 

Fora de linha na Índia, Toyota Etios agora é só brasileiro

 

A decisão da Toyota de encerrar o modelo tem relação com sua aliança com a Suzuki: o primeiro modelo em parceria com a outra japonesa, o Toyota Glanza (acima), é um Maruti Suzuki Baleno com outros emblemas e tem tido boa aceitação pelos indianos. A Toyota também receberá da Maruti Suzuki a minivan Ertiga, o SUV compacto Vitara Brezza e o sedã Ciaz. O Glanza, por enquanto, assume a porta de entrada para a linha Toyota na Índia.

Como a fábrica da Indonésia deixou de produzir o Etios em 2017, o Brasil passa a ser seu único país de fabricação a partir desse mês.

Texto da equipe – Fotos: divulgação