Fiat Palio ganha só uma estrela em teste do Latin NCap

 

O Fiat Palio de mais nova geração obteve apenas uma estrela para proteção do ocupante adulto e três estrelas para o ocupante infantil no novo teste de colisão do Latin NCap, órgão que analisa a segurança passiva dos carros vendidos na América Latina. O modelo perdeu pontos importantes em relação aos testes anteriores, em 2014 e 2015, quando recebera quatro estrelas para adulto (a classificação para criança não mudou).

O Palio alcançou 18,09 pontos na proteção de adulto em 34 possíveis e 31,57 pontos na proteção infantil em 49 possíveis. De acordo com o instituto, o modelo mostrou estrutura estável de cabine, “a cabeça e o pescoço do motorista e do acompanhante tiveram boa proteção; o peito do acompanhante mostrou proteção fraca dos sistemas de retenção; os joelhos de ambos os passageiros conseguiram impactar contra estruturas perigosas no painel”.

 

 

No impacto lateral, teste que não foi realizado em anos anteriores com o Fiat, “a cabeça e a pelve tiveram proteção adequada; o abdome mostra proteção fraca e o peito proteção pobre, explicando o resultado limitado de uma estrela. O modelo não conta com airbags laterais; contudo, tem reforços nas portas e nos painéis internos. Esse fato explica a baixa penetração e demonstra que o veículo foi desenvolvido para oferecer boa proteção lateral”. Não foi realizado o teste de impacto de poste.

Pouco voltado ao mercado brasileiro, o Latin NCap testou também um modelo não vendido aqui, o chinês BYD F0, que não tem bolsas infláveis e obteve zero estrela para o ocupante adulto e apenas uma para o ocupante infantil. Novos resultados serão apresentados em setembro.

 

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação