DS7 Crossback é o primeiro SUV da DS para a Europa

 

A divisão DS da Peugeot Citroën leva ao Salão de Genebra, que abre dia 9, seu primeiro utilitário esporte voltado ao mercado europeu (já havia o DS6, vendido apenas na China). O DS7 Crossback, que mede 4,57 metros de comprimento, vem concorrer com Audi Q5 e BMW X3 entre os SUVs médios de luxo.

 

 

A DS apostou no refinamento do interior, tanto pelos materiais (até o console e os puxadores de porta recebem couro) quanto pela variedade de tons disponíveis para o acabamento e recursos como as duas telas de 12 pol no painel, uma delas como quadro de instrumentos configurável. Auxílios ao motorista abrangem controlador da distância à frente, câmera infravermelha para ajudar na visão noturna, monitor de desatenção do condutor e assistentes para manter a faixa da via, para estacionar e para comutar os faróis entre seis modos de uso.

O DS7 chega com seis opções de motores: turbo a gasolina com 130 cv (Puretech), 180 e 225 cv (THP), turbodiesel com 130 e 180 cv (Blue HDI) e a versão híbrida E-Tense, que soma um motor a gasolina de 200 cv a dois elétricos (um dianteiro e um traseiro, 109 cv cada) para 300 cv em operação combinada. O E-Tense obtém tração integral e pode rodar por 60 km apenas com eletricidade. Caixa automática de oito marchas está em toda a linha. Além de Mulhouse, na França, o DS7 será fabricado em Shenzhen, na China.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação