Conceitos da BMW reinterpretam 2002 Turbo e moto R5

 

O Concorso d’Eleganza Villa d’Este, realizado na Itália do dia 20 ao 22, foi a oportunidade para a BMW apresentar dois modelos conceituais inspirados em seu passado. O 2002 Hommage (homenagem em francês) é um cupê M2 reestilizado tendo como fonte o 2002 Turbo, esportivo lançado em 1973 que foi o primeiro carro europeu de série com turbocompressor.

 

 

As extensas mudanças na carroceria abusam de defletores, tomadas e saídas de ar. No defletor dianteiro vê-se o logotipo Turbo em grafia especular, para ser lido no retrovisor de quem vai à frente, um item que o 2002 usou por pouco tempo. Com rodas de 20 polegadas, o conceito mantém o motor biturbo de 3,0 litros e 370 cv do M2.

 

 

A outra proposta é a moto R5 Hommage, que parece ter vindo direto da década de 1930, tempo da R5 original que ela homenageia. De fato, o motor de dois cilindros opostos (boxer) e 500 cm³ veio de uma dessas motos, que foi danificada, mas recebeu compressor para elevar a potência original de 24 cv. Todo o resto é novo, do escapamento de aço inox aos freios a disco.

Não é de hoje que a BMW prepara conceitos nostálgicos para o refinado evento italiano: nos últimos anos criou modelos como o M1 Hommage (2008), o 328 Hommage (2011) e o 3.0 CSL Hommage (2015).

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação