Citroën C4 Cactus para PCD agora vem menos equipado

 

Atenção aos compradores do Citroën C4 Cactus que se enquadram na modalidade de venda a Pessoas com Deficiência (PCD): a fábrica rebaixou a versão oferecida a esse público, da intermediária Feel para a mais simples Live, ambas com transmissão automática de seis marchas e motor aspirado de 1,6 litro com 115 cv (gasolina) ou 118 cv (álcool).

 

 

A mudança não representou redução de preço, mantido em R$ 55.228 após as isenções de IPI e ICMS. Na verdade, simplificar o modelo é a opção da Citroën a um aumento de preço, pois o desconto de ICMS não se aplica a carros com valor sugerido acima de R$ 70 mil. A troca de versão deixou o Cactus sem itens como alarme, ar-condicionado automático, controlador de velocidade, faróis de neblina e rodas de alumínio, além de perder a central de áudio (com tela de 7 pol) em favor de um sistema de áudio simples.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação