BMW M2 CS faz despedida com 450 cv e muito carbono

 

Antes do anúncio oficial, o BMW M2 CS apareceu na internet pelas mãos do site Jalopnik. A versão mais potente e rápida faz a despedida do cupê Série 2 como conhecemos, pois uma nova geração está em preparo (a marca de Munique já revelou o sedã Série 2 Gran Coupe). Comparado ao M2 Competition, o motor S55 biturbo de 3,0 litros e seis cilindros em linha (basicamente o mesmo de M3 e M4) ganhou 40 cv para alcançar 450 cv, entregues às rodas traseiras por uma caixa manual de seis marchas ou a automatizada de sete marchas com dupla embreagem. A aceleração de 0 a 96 km/h cai para 4,0 s no manual ou 3,8 s no automatizado.

 

 

 

O M2 CS não é apenas mais potente. A BMW aplicou escapamento com ruído ajustável, suspensão Adaptive M com controle eletrônico de série, novas rodas e componentes de plástico reforçado com fibra de carbono para redução de peso. Eles abrangem capô com saída de ar, painel de teto, defletor e difusor traseiros e capas de retrovisores. O interior recebe os bancos de M3 e M4. Freios de carbono-cerâmica são opcionais no CS, que entra em produção em março de 2020. Para alívio dos fãs, a BMW já revelou que a próxima geração do cupê Série 2 manterá a tração traseira, apesar da adoção da dianteira pelo Gran Coupé e pelo novo Série 1.

 

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação