Audi R8 ganha retoque visual e versão de tração traseira

 

Menos pode ser mais. No caso do Audi R8 a versão com tração apenas traseira está de volta à linha, para um comportamento dinâmico mais empolgante que no modelo com tração integral Quattro. Disponível como cupê e o conversível Spyder, o R8 RWD (rear-wheel drive) despeja em apenas dois pneus os 540 cv e o torque de 55,1 m.kgf do motor V10 de 5,2 litros e aspiração natural, valores menores que os 570 cv e 57,1 m.kgf da versão Quattro. Assim, a aceleração de 0 a 100 km/h se torna menos rápida, apesar da redução de peso em 65 kg: leva 3,7 segundos ante 3,4 s do Quattro. A Audi havia oferecido tal opção em série limitada no começo de 2018.

 

 

 

O R8 recebeu também um retoque visual com grade mais ampla e baixa, fendas abaixo do capô (uma reminiscência do Audi Sport Quattro dos anos 80) e saídas de ar maiores na parte traseira. A tampa do filtro de ar do motor está disponível em fibra de carbono. Nas laterais, as lâminas que caracterizam o R8 vêm em preto brilhante (superior) e na cor do carro (inferior). O R8 RWD mantém a transmissão S-Tronic de dupla embreagem e sete marchas e vem com rodas forjadas de 19 polegadas com opção pelas de 20 pol.

 

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação