Audi: conheça os esportivos RS que logo chegam ao Brasil

 

A Audi anuncia o lançamento de três esportivos da série RS no Brasil nos próximos meses: a perua RS6 Avant, o hatchback RS7 e o utilitário esporte RS Q8, aos quais se somam mais dois SUVs no começo de 2021, o RS Q3 e o RS Q3 Sportback. A marca trouxe os modelos para uma ação exclusiva com clientes no início de julho. Preços ainda não foram anunciados.

 

 

Na nova geração da RS6 Avant (acima), o motor V8 biturbo de 4,0 litros tem 600 cv e torque de 81,6 m.kgf como padrão (antes eram 560 cv e 71,4 m.kgf, com opção por 605 cv e 76,5 m.kgf na versão Performance).  Com caixa automática de oito marchas e tração integral, a nova RS6 chega a 250 km/h e acelera de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos. Suspensão a ar com controle eletrônico de amortecimento, diferencial traseiro esportivo com bloqueio variável, seletor de modos de condução com seis modos (sendo dois configuráveis) e freios de carbono-cerâmica fazem parte de uma das peruas mais rápidas do mundo.

 

 

 

É o mesmo conjunto mecânico do Audi RS7 Sportback (acima), que no ano passado entrou na segunda geração. O cinco-portas de 600 cv é mais rápido que a versão Performance anterior: de 0 a 100 km/h em 3,6 segundos. A velocidade máxima pode ser elevada por pacotes opcionais a 280 km/h (Dynamic) ou 305 km/h (Dynamic Plus). O sistema elétrico de 48 volts pode recuperar até 12 kW sob desaceleração, carregando a bateria de íons de lítio para aproveitar a potência nas acelerações. O RS7 tem transmissão automática de oito marchas e tração integral permanente, que envia 60% do torque à traseira em condições normais, mas pode operar com 30% a 85% conforme a situação.

 

 

No RS Q8 (acima), o mesmo V8 com auxílio elétrico leva o grande SUV de 0 a 100 km/h em 3,8 segundos e até os 200 em 13,7 segundos. A velocidade máxima passa para 305 km/h com o pacote Dynamic. A suspensão do RS Q8 é pneumática e adaptável, capaz de variar a altura de rodagem em 90 mm, além de usar um sistema eletromecânico de estabilizadores. Estão disponíveis discos de freio de cerâmica-carbono, rodas de até 23 pol e faróis adaptativos LED RS Matrix.

 

 

 

Por sua vez, o novo Audi Q3 ganha sua versão de alto desempenho RS (acima), que pela primeira vez pode ser combinada ao modelo de perfil mais esportivo Q3 Sportback. O motor turbo de 2,5 litros e cinco cilindros agora produz 400 cv e 49 m.kgf. Com tração integral e caixa S-Tronic de dupla embreagem e sete marchas, ambos aceleram de 0 a 100 km/h em 4,5 segundos e atingem 280 km/h com o pacote opcional. Além do visual encorpado e das rodas de 20 ou 21 pol, os RS Q3 têm suspensão mais firme e baixa, opção de controle eletrônico de amortecimento, freios de carbono-cerâmica (opcionais) e instrumentos adicionais.

Texto da equipe – Fotos: divulgação