Jeep Compass: suspensão em análise e opinião feminina

Jeep Compass: suspensão em análise e opinião feminina

Representação do eixo imaginário que determinará o “centro instantâneo de rotação”, criando uma força resultante como se o eixo dianteiro quisesse girar para baixo do carro na frenagem; o equilíbrio dessa força com a transferência de carga para o eixo dianteiro é responsável pelo efeito antimergulho

 

Qual o conceito por trás? O centro de giro da suspensão dianteira deve estar em posição tal que, ao frear, a resultante da força de frenagem faça com que o eixo queira “passar para baixo do carro” em linguagem mais simples (figura acima). A posição do centro de giro é determinada pelos ângulos dos pontos de fixação da suspensão, no caso da McPherson (figura abaixo). Didaticamente (na verdade, precisam-se de muitas posições, ângulos e contas para determinar cada condição), altera-se o ângulo do braço inferior para ter o conceito neutro, antimergulho ou pró-mergulho apenas alterando o ângulo do braço inferior da suspensão, sem alterar o cáster.

 

Jeep Compass: suspensão em análise e opinião feminina

Alterando-se o ângulo do braço inferior se determinam as condições neutra, antimergulho e pró-mergulho, conforme o propósito do projeto

 

Os problemas do sistema antimergulho, que restringiram seu uso em carros de rua, são a grande aplicação de carga às buchas de fixação da suspensão e a maior transmissão de impactos à carroceria, o que requer buchas de materiais e tecnologia mais avançados para serem mais resistentes e capazes de absorver melhor os impactos. Por outro lado, em veículos para uso fora de estrada se usa muito o conceito oposto, o pro-dive ou pró-mergulho, que favorece o afundamento da frente em frenagem. Sua vantagem é a melhor absorção de impactos sem transmitir esforços maiores para o carro, as buchas e… os ocupantes.

 

 

Ao somar a capacidade do Compass de “engolir” grandes irregularidades e lombadas ao mergulho mais acentuado da dianteira em certas situações, podemos supor que a geometria de suspensão possua característica neutra ou mesmo pró-mergulho. Como nada vem de graça, tal acerto faz a frente afundar em frenagens mais fortes, chegando a travar as rodas traseiras em descidas íngremes em baixa velocidade (o ABS atua depois de alguns décimos de segundo). Afinal, tal acerto com centro de gravidade alto tende a afundar a frente e tirar o eixo traseiro do chão e, como a pressão de óleo necessária é baixa, fica mais complicado para o ABS controlar a roda.

O interessante que o emprego de freio a disco na traseira melhora essa situação, em comparação ao tambor, pois tendo menor torque de frenagem ele exige maior pressão de óleo. Além disso, o principal motivo de freio a disco atrás é a resposta mais rápida ao comando do pedal. Nota-se que em frenagens médias há boa aplicação de freio no eixo traseiro, o que “afunda” essa parte do carro e evita que a frente mergulhe — efeito semelhante ao de acionar o freio de estacionamento na maioria dos carros. Claro que há maior risco de o carro rodar numa emergência, como ao aplicar freios em uma curva de alta velocidade com carro vazio. Contudo, provocamos por diversas vezes essa situação e o Compass nunca indicou perda de controle, nem mesmo fez atuar o controle eletrônico de estabilidade.

Para a quarta e última semana, teremos medições de desempenho e análises com o instrumento de aquisição de dados Race Capture Pro. Aguarde.

Semana anterior

 

Terceira semana

Distância percorrida357 km
Distância em cidade357 km
Distância em rodovia
Consumo médio geral7,3 km/l
Consumo médio em cidade7,3 km/l
Consumo médio em rodovia
Melhor média10,2 km/l
Pior média4,4 km/l
Dados do computador de bordo com álcool

 

 

Desde o início

Distância percorrida1.201 km
Distância em cidade1.201 km
Distância em rodovia
Consumo médio geral9,4 km/l (gas.) / 7,3 km/l (álc.)
Consumo médio em cidade9,4 km/l (gas.) / 7,3 km/l (álc.)
Consumo médio em rodovia
Melhor média13,4 km/l (gas.) / 10,2 km/l (álc.)
Pior média4,9 km/l (gas.) / 4,4 km/l (álc.)
Dados do computador de bordo

 

Preços

Sem opcionaisR$ 113.990
Como avaliadoR$ 117.490
CompletoR$ 120.090
Preços sugeridos em 14/5/19 em São Paulo, SP

 

Equipamentos e opcionais

Compass Sport – Alarme, ar-condicionado automático de duas zonas, assistente de saída em rampa, câmera traseira de manobras, controlador e limitador de velocidade, controle eletrônico de estabilidade e tração, faróis de neblina, fixação Isofix para cadeiras infantis, luzes diurnas, monitor de pressão dos pneus, rodas de alumínio de 17 polegadas, ), sensores de estacionamento atrás, sistema de áudio com tela de 7 pol e integração a celular, volante com regulagem de altura e distância.

• Opcionais – Bolsas infláveis laterais dianteiras, de cortina e de joelhos do motorista; para-barros.

 

Ficha técnica

Motor
Posiçãotransversal
Cilindros4 em linha
Comando de válvulasduplo no cabeçote
Válvulas por cilindro4, variação de tempo
Diâmetro e curso88 x 82 mm
Cilindrada1.995 cm³
Taxa de compressão11,8:1
Alimentaçãoinjeção multiponto sequencial
Potência máxima (gas./álc.)159/166 cv a 6.200 rom
Torque máximo (gas./álc.)19,9/20,5 m.kgf a 4.000 rpm
Transmissão
Tipo de caixa e marchasautomática, 6
Traçãodianteira
Freios
Dianteirosa disco ventilado
Traseirosa disco
Antitravamento (ABS)sim
Direção
Sistemapinhão e cremalheira
Assistênciaelétrica
Suspensão
Dianteiraindependente, McPherson, mola helicoidal
Traseiraindependente, McPherson, mola helicoidal
Rodas
Dimensões17 pol
Pneus225/60 R 17
Dimensões
Comprimento4,416 m
Largura1,819 m
Altura1,638 m
Entre-eixos2,636 m
Capacidades e peso
Tanque de combustível60 l
Compartimento de bagagem410 l
Peso em ordem de marcha1.541 kg
Desempenho e consumo (gas./álc.)
Velocidade máxima188/192 km/h
Aceleração de 0 a 100 km/h10,9/10,6 s
Consumo em cidade8,1/5,5 km/l
Consumo em rodovia10,5/7,2 km/l
Dados do fabricante