Fiat Bravo e Hyundai i30: dois modos de chegar a 150 cv

Fiat Bravo TJet
Fiat Bravo TJet
Fiat Bravo TJet

 

Fiat Bravo TJet
Fiat Bravo TJet
Fiat Bravo TJet

 
No Bravo 2016 melhorou a iluminação dos instrumentos; ele vem com
comando de voz, caixa de subgraves, ar-condicionado automático de duas
zonas com difusor para o banco traseiro e mola para sustentar o capô

 

O TJet vem ainda com teto solar duplo, que tem a parte dianteira móvel e a traseira fixa, cada uma com seu forro manual (de vedação completa, como deve ser em um país tropical). O i30 oferece opção de sistema semelhante, considerado no comparativo, embora não equipasse o carro avaliado. A favor do Hyundai estão apenas as duas tomadas de 12 volts na frente, o maior espaço para objetos no console central (ponto fraco do oponente) e o porta-luvas refrigerado (no rival, apenas um porta-garrafa sob o apoio de braço), mas ele dá opção de destravamento e partida do motor com chave presencial, ajuste elétrico do banco do motorista e comando elétrico do freio de estacionamento, não oferecidos no rival.

 

O i30 é mais amplo para as pernas de quem viaja atrás, mas nenhum acomoda bem três pessoas; a capacidade de bagagem é pouco maior no Bravo

 

Os dois trazem controlador de velocidade, câmera traseira para manobras com imagens na tela do painel (opcional no Bravo), sensores de estacionamento atrás (também na frente no Fiat como opção), faróis e limpador de para-brisa com acionamento automático (cobrados à parte no TJet), faixa degradê no para-brisa (muito estreita no Hyundai), aviso para uso de cinto e para porta mal fechada (específico), recolhimento elétrico dos retrovisores, tampas do porta-malas e do tanque destravadas junto das portas (há também comando na chave para abrir aquela), iluminação nos espelhos dos para-sóis, luzes de leitura na frente (também atrás no i30; no Bravo, só luz de cortesia central), apoios de braço dianteiro (muito baixo no Fiat, pouco útil) e traseiro, mostrador de temperatura externa, porta-copos e vidros das portas traseiras que descem por inteiro.

 

Hyundai i30
Hyundai i30
Hyundai i30

 

Hyundai i30
Hyundai i30
Hyundai i30

 
Mostradores de fácil leitura e tela central de 7 pol no i30, que traz duas
tomadas de 12 volts e porta-luvas refrigerado; ambos recolhem os espelhos

 

Pontos que merecem correção: no Bravo, o teto solar não se fecha ao comandar o levantamento dos vidros e o painel expõe a linha de recorte destinada ao disparo da bolsa inflável do passageiro (se não havia como disfarçá-la melhor, seria preferível uma tampa); no i30, ao usar o limpador de para-brisa automático, as palhetas varrem o vidro (mesmo que seco e sujo) a cada partida, falha inacreditável; e os retrovisores trazem advertência em inglês sobre a lente convexa, que não faz sentido aqui.

 

 

O espaço interno é semelhante entre os dois, com boa acomodação para quatro adultos, mesmo que de estatura acima da média. O i30 é mais amplo para as pernas de quem viaja atrás, mas nenhum acomoda bem três pessoas nesse banco, tanto por seu formato quanto pelo encosto desconfortável na posição central. A capacidade de bagagem é pouco maior no Fiat — 400 litros ante 378 do Hyundai — e os dois têm banco traseiro bipartido 60:40, incluindo o assento.

A Fiat tinha o hábito de usar estepes integrais, até com roda de alumínio, mas hoje o Bravo vem com pneu de 16 pol (os de serviço são de 17), o que impõe limitações de uso e impede o aproveitamento em reposição em nome de uma pequena redução do custo inicial. No Brasil o i30 usa estepe temporário, bem estreito, mas o alojamento prevê espaço para um integral de 16 pol (como usado na Argentina, onde o carro não tem rodas de 17 pol): o resultado é a aplicação de um enchimento para nivelar o assoalho.

 

Fiat Bravo TJet
Hyundai i30

 
O i30 (à direita) oferece mais espaço para pernas atrás, e o Bravo, pouco
maior
 capacidade de bagagem, apesar de usar estepe mais volumoso

 

 

Equipamentos de série e opcionais

Bravo

i30

Ajuste de altura dos bancos mot./pas. S/S S/ND
Ajuste de apoio lombar mot./pas. ND ND
Ajuste do volante em altura/distância S/S S/S
Ajuste elétrico dos bancos mot./pas. ND ND
Ajuste elétrico dos retrovisores S S
Alarme antifurto/controle a distância S/S S/S
Aquecimento S S
Ar-condicionado/controle automático/zonas S/S/2 S/O/2
Bancos/volante revestidos em couro O/S O/O
Bolsas infláveis frontais/laterais/cortinas/joelhos* S/O/O/O S/O/O/O
Câmbio automático/automatizado ND S/ND
Câmera traseira para manobras O S
Cintos de três pontos, todos os ocupantes S ND
Computador de bordo S S
Conta-giros S S
Controlador/limitador de velocidade S/ND S/ND
Controle de tração/estabilidade S/S O/O
Controle elétrico dos vidros diant./tras. S/S S/S
Controles de áudio no volante S S
Direção assistida S S
Encosto de cabeça, todos os ocupantes S S
Faróis com lâmpadas de xenônio O O
Faróis de neblina S S
Faróis/limpador de para-brisa automático O/O S/S
Freios antitravamento (ABS) S S
Interface Bluetooth para telefone celular S S
Limpador/lavador do vidro traseiro S S
Luz traseira de neblina S ND
Navegador por GPS O S
Rádio com toca-CDs/MP3 ND/S S/S
Repetidores laterais das luzes de direção S S
Retrovisor interno fotocrômico O ND
Rodas de alumínio S S
Sensores de estacionamento diant./tras. O/S ND/S
Teto solar/comando elétrico S/S O/O
Travamento central das portas S S
Convenções: S = de série; O = opcional; ND = não disponível; NA = não aplicável; *apenas para os joelhos do motorista
Próxima parte