Renault Fluence

Renault Fluence 2015

 

Participe: opine sobre seu carro

 

[Nome] Rodrigo
[Cidade] Vitória
[Estado] ES

[Versão] Dynamique Manual
[Motor] 2.0 16V
[Ano-modelo] 2012
[Quilometragem atual] 60.000 km
[Combustível] Flexível
[Tempo há que possui] De 3 a 5 anos

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito(a)

[Estilo] 5
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 3
[Câmbio] 4
[Freios] 5
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Isolamento acústico surpreendente, o silêncio à bordo continua mesmo em velocidades maiores ou com giro alto no motor. Conforto e espaço interno abundantes, da pra viajarem 5 adultos tranquilamente.Direção Elétrica, 6 Air-bags, robustez da suspensão, muito seguro, ótimo desempenho, o carro está rápido e você nem sente. Freios muito bons! Muitos itens de conveniência, seguro barato, manutenção não é cara lembrando que não é um popular. Porta-malas muito espaçoso. Sistema hands-free é um diferencial que a gente acostuma e depois não quer largar. Beleza (subjetivo). Tem boa altura do solo dá pra andar tranquilo em estradas de terra. Resumindo, um Carrão.

[Principais aspectos negativos] Material dos puxadores de porta de baixa qualidade, que destoa do resto do carro que considero bom. Porta-malas apesar de gigantesco, tem os pescoço-de-ganso, se fosse pantográfico seria perfeito! Consumo poderia ser um pouco melhor 8,5~9,0 na cidade e 10~11 na estrada, com pé pesado eu confesso.

[Defeitos apresentados] Couro do volante descascou, mas foi trocado em garantia. Vazamento do gás do AC, feito recarga e voltou ao normal. Sensor da porta parou de funcionar, como o novo é muito caro comprei um usado e voltou ao normal.

[Concessionárias] Das vezes que precisei, fui bem atendido. Revisões com valor de acordo com a tabela do site da Renault e sem empurroterapia.

[Comentários adicionais] Ótimo carro tanto para viajar com a família quanto para usar no dia-a-dia e foi comprado zero km por ótimo preço comparado com seus concorrentes diretos. Se tivesse que definir em uma palavra, seria: Conforto.

[Best Cars] Acompanho o site desde a adolescência… Hoje tenho mais de 30 anos. Está entre os melhores da área no país. Leitura obrigatória para quem gosta de carros.

[Data de publicação] 6/5/16

 

 

[Nome] Fernando Lopes
[Cidade] Rio de Janeiro
[Estado] RJ

[Versão] Dynamique Automático CVT
[Motor] 2.0 16V
[Ano-modelo] 2012
[Quilometragem atual] 60.000 km
[Combustível] Flexível
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Parcialmente satisfeito(a)

[Estilo] 5
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 3
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 4
[Desempenho] 5
[Consumo] 3
[Câmbio] 5
[Freios] 4
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 4
[Custo-benefício] 4

[Principais aspectos positivos] O carro é uma verdadeira nave, completo de tudo o que se pode imaginar, um conforto excepcional, o motor é muito girador e forte alcançando altas velocidades rapidamente. A perfumaria do carro sem dúvidas é o ponto mais atraente no modelo, chave cartão keyless, botão start/stop, ar dual zone, 6 air-bags, conectividade bluetooth, cruise control, acendimento automático dos faróis, sensor de chuva, e diversos outros mimos que te deixam a sensação de que se um dia tiver que sair de um Fluence será para outro Fluence, neste quesito deixa Civic e Corolla no chinelo. Para os que falam mal dos franceses saibam que o Fluence usa o conjunto Motor/Câmbio do seu primo distante Nissan Sentra, ou seja, mecânica de confiabilidade oriental, o motor é robusto e usa corrente de comando o que diminuiu os riscos e custos com manutenção em correias de borracha, câmbio CVT é maravilhoso pois a 110km/h eu ainda estou em 2.300RPM, silêncio total na cabine, que também otimiza o consumo rodoviário (12,5km/l).

[Principais aspectos negativos] Consumo urbano, este sem dúvidas o maior vilão do carro, aqui no RJ pego muito engarrafamento diariamente e nestas situações o carro chega a fazer 4km/l Etanol e 5,2 km/l gasolina (sempre ar ligado), para quem se preocupa com consumo e mora em cidades com muitos engarrafamentos este não é o carro ideal. A montagem do carro (controle de qualidade) é outro ponto negativo, produzido na Argentina, possui diversas peças desalinhadas o que dá a impressão de carro batido e reparado, mas na verdade é só controle de qualidade porco mesmo. Deveria ter controle de estabilidade em todas as versões, é uma economia porca da Renault em questão de segurança. Suspensão após algum tempo de asfalto buraqueira apresenta barulhos, mas não é nenhuma manutenção complicada, as peças originais são caras mas algumas coisas é possível comprar paralelo a preços acessíveis. Barulhos internos aparecem com o tempo e são desconfortáveis, mas de fácil solução para encontrá-los e saná-los. Falta ajuste lombar no banco.

[Defeitos apresentados] Coxim (batente de final de curso) do amortecedor dianteiro rompeu aos 55mil KM, o que provocava um barulho seco na suspensão, comprei original Renault por R$ 400,00. Bieletas também já foram trocadas. De defeitos somente estes, nada de mecânico ou elétrico.

[Concessionárias] Nem bom, nem ruim. Atendeu as necessidades de revisões, o carro nunca deu defeito para eu precisar da garantia.

[Comentários adicionais] É um carro robusto, confiável, completo demais, e que atende a todas as necessidades de alguém que precisa de um Sedan na sua faixa de valor. Se você mora em cidades com engarrafamentos diários evite o carro, a não ser que você não se importe em gastar com gasolina, é econômico na estrada e em trechos urbanos de pouco trânsito onde a velocidade flui bem. Estou satisfeito com o carro e sua proposta, não dá defeitos, basta realizar a manutenção preventiva, o seguro é muito barato para a categoria.

[Best Cars] Sempre visito este site quando penso em trocar de carro, é muito importante na escolha de um veículo estarmos totalmente munidos de informações.

[Data de publicação] 26/2/16

 

[Nome] Marcelo Augusto
[Cidade] Sinop
[Estado] MT

[Versão] 2.0 dynamique
[Motor] 2.0 16V
[Ano-modelo] 2013
[Quilometragem atual] 40.000 km
[Combustível] Gasolina
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com o carro] Parcialmente satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Insatisfeito(a)

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] –
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] –
[Capacidade de bagagem] 3
[Motor] Selecione
[Desempenho] 4
[Consumo] 3
[Câmbio] Selecione
[Freios] 4
[Suspensão] 3
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] –
[Custo-benefício] 3

[Principais aspectos positivos] quantidade de itens em relação aos concorrentes, cambio cvt, motor.

[Principais aspectos negativos] fragilidade de alguns equipamentos. Pneus turcos que vem da argentina, se perder um tem que trocar o par, pois não vende no Brasil o goodyear efficient grip.

[Defeitos apresentados] desde os 200km, quando em manobras de ré, o sistema de freio faz um barulho de “ferro com ferro”, lembrando um carro de boi. Voce vai manobrar na frente de um local, restaurante, etc, e quando da a ré e entra na vaga e freia, todos no local olham para voce pensando que tem um onibus estacionando….fui deixando, reclamei na revisão dos 10mil km, depois na dos 20 mil km, depois na dos 30, e cansei..reclamei no sac, no tempo que eles funcionavam, e acabaram fazendo algo que minimizou…parece um defeito cronico do fluence, já vi outras reclamações nesse sentido de outros proprietários. Ao invés de resolver, a concessionária morel, de sinop, mt, tenta vender para voce uma “limpeza de freios e lubrificação”, tentando fazer voce crer que são graõs de areia que provocam tais barulhos (mesmo na chuva os graos estão lá)….

[Concessionárias] agora, com 43mil km, na garantia, em out. 2015, os botoes do vidro eletrico do motorista e carona na porta dianteira esquerda estão moles e soltos. Levei na concessionária morel, em sinop, mt, e pediram 420,00 para substituição da peça que eles não tem lá. Argumentei que está na garantia. Liguei no sac renault, que serve algumas vezes para frear o impeto das concessionárias, , e informaram que eu já havia pedido uma “cortesia” e foi negada pois o “tecnico” (nao sei de onde) informo que era caso de “mau uso”…bem, a concessionária que sabe que não aceito os produtos que eles tentam me empurrar toda revisão, se adiantou e fez em meu nome, como se eu tivesse ligado para o sac o tal pedido de cortesia. …uma vergonha. Acabou embananando tudo e o sac negou por causa do tal mau uso.
Mas pergunto, como que é mau uso de botão de vidro eletrico.? O que eu fiz para soltar um botão e deixar mole….? Bom,, isso ninguem da oficina da renault morel quis me fornecer por escrito. O sac Renault lavou as mãos e agora pedi a peça e vou pagar…mas ao menos vou ligar no sac para acompanhar o serviço, pois minha confiança é zero. Sempre tive Renault. Triste decepção. Minha estória com a marca acaba aqui, graças a uma concessionária arredia, amparada por um sac ineficiente e que está se tornando igual aos outros, perdendo seus diferenciais. Comprei esse carro a 500km da cidade onde moro, em outra concessionária, pois essa tira até os tapetes para lhe revender…. A Renault vive uma transição, e agora em popularização, como as outras, opta por mais marketing com globais e menos atenção no pós venda. Volume x qualidade. Só Toyota e Honda, aparentemente, conseguem os dois….

[Comentários adicionais] o fluence é um carro bom, o primeiro ano e meio, com ele novo, foi de alegrias….mas depois, um carro de 76.000,00 valer 46.000,00 e a própria concessionária da marca lhe mandar 32.000,00 em um carro na garantia…fica dificil…para pegar outro igual? A citroen pagou mais no stepway da minha esposa na compra de um c4 lounge que a propria Renault….dez mil a mais….mas foi bom, começamos a encerrar o ciclo com a Renault…

[Best Cars] leio ha seis anos, varios defeitos renitentes de veiculos, basta olhar aqui que verá, as reclamações batem, as pessoas são sinceras, e muitos defeitos acaba se descobrindo ao ler o best cars.

[Data de publicação] 20/11/15

 

 

[Nome] João
[Cidade] São Paulo
[Estado] SP

[Versão] Dynamique 2.0 CVT
[Motor] 2.0 16V
[Ano-modelo] 2011
[Quilometragem atual] 40.000 km
[Combustível] Flexível
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito(a)

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 4
[Desempenho] 4
[Consumo] 3
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Excelente espaço interno e porta-malas imenso. Carro muito equipado e com itens de conveniência e segurança, como os seis airbags: frontais, laterais e de cortina. A suavidade do câmbio CVT é o ponto alto, contribuindo para excelente nível de conforto. Além disso, é bem econômico em estrada, permitindo fazer médias de 12-13 km/l de gasolina mantendo velocidade de 100-120 km/h. Além disso, o carro tem mecânica robusta e confiável, basicamente não exigindo nada além da manutenção rotineira.

[Principais aspectos negativos] As alças da tampa do porta-malas invadem o espaço interno. Se fossem pantográficas teria espaço útil ainda maior. O consumo em cidade, com transito um pouco mais pesado fica em torno de 6-6,5 km/l com gasolina e 4,5-5 km/l com álcool. A tampa do tanquinho de gasolina é de difícil abertura/fechamento.

[Defeitos apresentados] Basicamente, não houve nada que prejudicasse o uso rotineiro. Apenas detalhes de acabamento, como a forração do porta-malas que escapa da moldura com frequência. E os estalos na coluna central direita quando a carroceria é torcida em valetas, que parece ser uma “característica” de alguns Fluence de 2011.

[Concessionárias] Fui bem atendido nas poucas vezes em que utilizei e os preços foram razoáveis. Tive dois pequenos aborrecimentos na Renault Itavema France do Butantã. O primeiro foi que o carro saiu da revisão com o ar-condicionado sem funcionar, em razão de queima de um fusível na oficina e eu tive que voltar minutos depois. O segundo foi a uma venda de um jogo de palhetas com preço acima daquele anunciada. Em ambos os casos, prontamente resolvidos pelo consultor Vinícius, que sempre foi muito atencioso. Vale a pena mencionar que após as revisões fui questionado pela Renault a respeito da qualidade do serviço e fiquei sabendo que o meu relato das falhas teve repercussão na concessionária.

[Comentários adicionais] O carro é excelente e eu pude confirmar que todos os elogios feitos são muito merecidos. Os defeitos apresentados são coisas bobas que a Renault poderia evitar com um controle de qualidade um pouco melhor. Sobre o câmbio CVT, criticado por alguns, tenho apenas elogios. De fato,o cambio CVT causa estranheza pra quem não está acostumado, mas depois de um tempo você aprende a usar e percebe o quanto é suave e confortável. Realmente, não é esportivo, mas é perfeitamente adequado à proposta do carro. Para quem procura um sedã espaçoso, bem equipado, confortável, seguro e com manutenção relativamente barata, recomendo fortemente a compra do Fluence.

[Best Cars] O Best Cars é excelente, com textos bem escritos e detalhados, fugindo da superficialidade frequentemente percebida na maioria das matérias de outros veículos de divulgação. O Teste do Leitor é uma bela iniciativa e sempre acompanho antes de comprar um carro. Parabéns ao Fabrício e demais membros da equipe!

[Data de publicação] 6/11/15

[Nome] Rodrigo Migues Figueiredo de Liz
[Cidade] Santos
[Estado] SP

[Versão] GT
[Motor] 2.0
[Ano-modelo] 2013
[Quilometragem atual] 20.000 km
[Combustível] Gasolina
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com o carro] Insatisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Insatisfeito(a)

[Estilo] 5
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 3
[Câmbio] 1
[Freios] 4
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 1

[Principais aspectos positivos] Muitas qualidades. Mas, falta o principal: confiabilidade do produto em si e das concessionárias.

[Principais aspectos negativos] Atualizando a minha avaliação anterior que era muito positiva. Pretendo me desfazer do veículo. Nunca tinha dado problema até então, mas ter que trocar a embreagem com menos de 25 mil Km, sem sinais anteriores, é inaceitável. Parado, esperando o semáforo abrir, sofri um abalroamento traseiro devido a isto.

[Defeitos apresentados] Coisas simples desde o controle remoto do GPS com uma tecla que nunca funcionou e também nunca foi resolvido, até a pane na embreagem.

[Concessionárias] Péssimas desde a aquisição. Recentemente, Renault Assistance negou reboque (só oferecido no primeiro ano); o carro está parado há mais de um mês para a troca da embreagem e a funilaria. Neste ínterim, entraram em contato para avisar que o carro tinha ficado pronto. Não consegui chegar até a esquina. Depois me informaram que a bateria apresenta funcionamento anormal, o que implicou na pane eletrônica.  Óbvio que a garantia, depois de um ano, não cobre a bateria de um carro que ficou parado na oficina durante um mês!

[Comentários adicionais] Agora eu entendo porque Toyota e Honda se dão bem no segmento, mesmo não tendo, a meu ver, os melhores produtos. Os japoneses não faltaram na aula sobre produto ampliado, isto é: produto + serviço. Fica a pergunta: Para que adquirir um veículo 0 Km se quando você precisa é tratado com descaso e os problemas não são resolvidos. Melhor andar com um semi-novo fora da garantia. Desta forma, você pode fazer a manutenção na oficina de sua confiança. Acho que farei isto da próxima vez.

[Best Cars] A imprensa no geral tem sido de suma importância no estado atual das coisas. O Bestcars naquilo que lhe cabe, o setor automotivo, é digno da mais alta confiança nas avaliações e interações com o consumidor. Continuem assim!

[Data de publicação] 25/9/15

[Nome] Helmar Dettmann
[Cidade] Santa Maria de Jetibá
[Estado] ES

[Versão] Dynamique CVT
[Motor] 2.0
[Ano-modelo] 2013
[Quilometragem atual] 70.000 km
[Combustível] Flexível
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito(a)

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 4
[Desempenho] 4
[Consumo] 4
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 4
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] O conforto que proporciona, o rodar silencioso, o câmbio CVT que muitos criticam por não proporcionar esportividade, mas adequado com o motor 2.0 para um sedã familiar, responde quando precisa sem problemas.

[Principais aspectos negativos] O painel como um todo é muito básico, poderia ser mais apresentável. O consumo não é dos melhores, mas   está dentro da faixa para um sedã 2.0. Média de 8 km p/litro urbano e 10,5 na estrada na gasolina.

[Defeitos apresentados] Atualmente o Fluence está com 74.000 km rodado e por volta dos 71.000 km apresentou um desgaste na conexão no final da coluna de direção, único defeito apresentado nos 03 anos de uso.

[Concessionárias] Apesar de sempre ter sido bem atendido nas concessionarias na Serra e em Vila Velha / ES, durante esse período tive duas situações em que houve falha ou falta de atenção nos serviços. Um caso de não terem prendido corretamente o filtro de combustível na parte inferior do veículo após a primeira revisão e na revisão dos 60.000 km o filtro do ar condicionado foi montado incorretamente, problema que só percebi quando mandei trocar o óleo nos 70.000 km fora da Renault.

[Comentários adicionais] O Fluence mesmo não estando entre os sedãs mais vendidos, que para mim não passa primeiramente de preconceito do brasileiro e depois por falta de uma boa propaganda da parte da Renault, é um bom veículo para quem não quer esportividade e sim conforto e segurança. Estou trocando o Fluence atual por um novo Dynamique Plus 2.0 CVT 15/16 que deve estar chegando nos próximos dias.

[Best Cars] Ótimo canal sobre veículos, aqui pude ouvir o a avaliação dos proprietários dos veículos, e foi fundamental para a aquisição do Fluence em 2012, e não me arrependi.

[Data de publicação] 25/9/15

[Nome] Antonio Estevão
[Cidade] Praia Grande
[Estado] SP

[Versão] DYN 2.0 MANUAL
[Motor] 2.0 16V
[Ano-modelo] 2014
[Quilometragem atual] 10.000 km
[Combustível] Flexível
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito(a)

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 4
[Câmbio] Selecione
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Carro silencioso , motor suave ,bastante completo , piloto aut. , ascendimento aut farois , acionamento aut. Limpador para-brisas , ar cond. Digital. Bi-zone aut. Funciona mesmo , não gosto de ar cond. mas esse eu aprovei , não gela agente com saida para banco traseiro, espaço interno bom , painel agradável, acabamento bom emborrachado , volante e assento de couro, chave presencial keyless agente demora para se acostumar mas depois não vive sem , refrigeração no porta-luvas, câmbio e embreagem suaves com bom escalonamento 6 marchas , o que torna a condução do carro prazeirosa, além de andar muito bem com este câmbio manual
Estou muito satisfeito , ótimo custo/benefício , carro muito prazeiroso de dirigir , na estrada ligo o piloto automático em 6ª marcha , se chove ele liga aut. O limpador , se entro em tunel ele liga aut. os farois , silencio , ar cond. Agradável sem gelar , ele varia as saidas do ar aut. painel , pernas , para-brisas além da saida traseira o que uniformiza a temp. em todo o carro, quando ela atinge o que vc determinou ele desliga aut. , fantásticoConsumo : cidade São Paulo trânsito pesado 6.5 / 7.0 km/l gas comum , imigrantes estrada boa mão dupla a 120 km/h faz 12.5 km/l gas comum , considero razoável para o porte , performance e conforto do carro.Performance : este com câmbio manual anda muito , carro esperto com resposta rápida ,

[Principais aspectos negativos] Demorei um pouco para achar a posição para dirigir , o volante poderia se afastar mais um pouco do painel, dependendo da posição do sol há um reflexo do painel no espelho retrovisor que atrapalha a visibilidade , a visibilidade traseira é ruim , mas isso é característica de todo sedan , fez falta o sensor de estacionamento , tive que instalar $ 200,00

[Defeitos apresentados] nenhum defeito

[Concessionárias] só tive contato com a CSS na entrega do veiculo e depois para obter parafusos da placa , fui muito bem atendido

[Comentários adicionais] melhor custo / benefício do mercado , fiz teste drive em civic , c4 lounge , sentra , corolla , supera todos eles com folga. carro completo , não tenho queixas , vale a pena

[Best Cars] ótimo site

[Data de publicação] 31/7/15

[Nome] Antonio C. Pacheco Jr.
[Cidade] Frutal
[Estado] MG

[Versão] Dynamique CVT
[Motor] 2.0 16V
[Ano-modelo] 2013
[Quilometragem atual] 40.000 km
[Combustível] Flexível
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 4
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Desempenho, conforto, silêncio a bordo excepcional, confiabilidade, apesar de estar com apenas 43 mil km, não deu nenhum problema, consumo bom em rodovia que fica entre 12 e 14 km/l dependendo do ritmo e itens de série: Ar dual zone, 6 airbags, chave cartão hands free e etc. Direção elétrica com bom jogo, apesar do tamanho o carro vira melhor que minha Saveiro G5. Câmbio cvt é outro show a parte, já que dá para deixar a rotação do motor de acordo com o gosto do motorista. Posso acelerar de 0 a 100 mantendo 2000 rpm,3000 rpm ou 5000 rpm. Antes tinha receio, por ouvir que o câmbio era sem graça. Hoje fiquei fã do CVT.

[Principais aspectos negativos] Uma de suas qualidades pode se enquadrar também como aspecto negativo: apesar de ser um sedã médio, seu porte é exagerado, sendo comprido e largo, o que é bom para o espaço interno, mas pode dificultar estacionar em garagens estreitas.

[Defeitos apresentados] A luz espia de reserva do tanquinho de gasolina, que teimava em acender. Reclamei na concessionária e arrumaram em garantia na revisão de 10 mil km. Só isso.

[Concessionárias] Tenho sido bem tratado nas concessionárias que frequento, fiz todas as revisões e cobram o valor previsto no site da Renault. Nada a reclamar.

[Comentários adicionais] O carro não vende o que merece, talvez por ser francês, mas, em quase 3 anos de uso, só tenho elogios pela robustez, custo de manutenção, desempenho e itens de série.

[Best Cars] Já citei outra vez que frequento o Bestcars desde a época da internet discada. O site é referência em matérias técnicas para quem gosta de automóveis.

[Data de publicação] 3/6/15

[Nome] Luiz Henrique Cardoso Grigolon
[Cidade] Cesário Lange
[Estado] SP

[Versão] Dym CVT
[Ano-modelo] 2012
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 50.000 km
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 3
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Espaço interno. Já dirigi Focus, Civic, Corolla, Cruze e o Fluence é mais amplo.
O nível de equipamento, na faixa de preço, também é um dos melhores.

[Principais aspectos negativos] Rodo basicamente metade do tempo em ciclo urbano e as médias de consumo não são animadoras, ficando aproximadamente em 7 km/l de álcool.

[Defeitos apresentados] Só uma lâmpada de farol queimada, trocada na concessionária.

[Concessionárias] Tudo dentro do previsto. Os custos também estão de acordo com a faixa do carro.

[Comentários adicionais] Recomendo a compra. É amplo (tanto para passageiros como para bagagem), confortável, desempenho bom. Já rodei 40 mil km com ele e nenhum problema relevante foi apresentado. O seguro ficou abaixo de todos os concorrentes também. Não fosse o consumo, seria perfeito.

[Best Cars Web Site] O site é muito completo, atende tanto o leigo quanto aquele que busca alguma informação mais técnica.

[Data de publicação] 24/10/14

[Nome] Ricardo Alvarez
[Cidade] São paulo
[Estado] SP

[Versão] Dynamique 2.0 CVT
[Ano-modelo] 2014
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 5.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 4
[Desempenho] 4
[Consumo] 4
[Câmbio] 4
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 4
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Estilo bonito e muitíssimo discreto (o carro tem porte, mas não chama a atenção; para uns um defeito, para outros uma qualidade); espaço interno e porta-malas excelentes; motor e câmbio CVT muito suaves e silenciosos, com desempenho adequado; freios a disco nas 4 rodas (ao contrário de, por exemplo, algumas versões do Focus); rodas de aro 16 (mais adequadas ao nosso piso que as 17 das versões superiores); suspensão bem calibrada; seis airbags de série. Além do mais, extensa dotação de itens de série: acesso e partida sem chave (mediante cartão presencial, prático e excelente); controlador e limitador de velocidade; faróis auxiliares e lanterna traseira de neblina; limpador de para-brisas automático; faróis e lanternas de acionamento automático; ar condicionado digital dual zone; sistema de som com USB e boa qualidade; luzes de cortesia nas portas (não as via desde meu Tempra 16V, duas décadas atrás). Enfim, o carro demonstra-se bem montado e sólido, é bastante confortável, anda muitíssimo bem na cidade e na estrada, sendo bem equipado para a faixa de preço e com ótima relação custo-benefício.

[Principais aspectos negativos] Pequenos detalhezinhos simples de resolver: cinto de segurança traseiro difícil de fechar com uma só mão; apoios de braço dianteiros e faixa prata no painel tem estilo duvidoso; banco dianteiro do passageiro deveria ter regulagem de altura; controle de estabilidade deveria ser de série (ele só existe no Privilege e no GT Turbo); sensor de ré deveria ser série (resolvi isso instalando um ainda na concessionária);

[Defeitos apresentados] Nenhum defeito apresentado.

[Concessionárias] A revisão de entrega da Itavema France foi adequada, com um único porém: o carro tinha o tanque tão seco que morreu ainda dentro da concessionária por pane seca. Resolvido o problema com um galão de álcool, o consultor fez a entrega e mostrou conhecer bem o carro; não teve pressa e entre outras coisas, explicou detalhadamente o funcionamento do cartão presencial e do controlador de velocidade.

[Comentários adicionais] Quando comprei, estava em dúvida entre o Fluence CVT e o Focus Sedan 2.0 Powershift, à época de preço equivalente. Achei o espaço interno do Focus ruim e o porta-malas muito acanhado, e também fiz restrições ao freio a tambor traseiro, a existência de apenas dois airbags, revisões semestrais (roubalheira desnecessária) e pequenas falhas de acabamento. Em favor do Focus, apenas o motor de 178 CV, e mais nada. Como o que eu buscava era um sedã familiar confortável, seguro e de desempenho adequado, estou convicto que fiz a melhor escolha ante minhas necessidades, mesmo porque os 143 CV do motor Nissan do Fluence é perfeitamente adequada até para andar rápido. Quanto ao CVT, tem uma suavidade ímpar, inexistente nas melhores caixas automáticas ou automatizadas. Em suma: estou muito satisfeito com o carro (inclusive um irmão meu comprou um igual na mesma época e também está gostando bastante). Recomendo!

[Best Cars Web Site] Para quem como eu preza a qualidade das informações, o BCWS é desde os anos 90 a mais técnica e confiável publicação jornalística sobre carros. Igual, só mesmo a Motor3 do José Luiz Vieira, nos anos 80. Parabéns, Fabrício e equipe!

[Data de publicação] 10/10/14

[Nome] Alessandro
[Cidade] Moraes
[Estado] RJ

[Versão] dyn cvt
[Ano-modelo] 2013
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 40.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Não utilizo

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 4
[Desempenho] 4
[Consumo] 4
[Câmbio] 5
[Freios] 4
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 4
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] muito confortavel, bem solido, ja tive um jetta 2.5 e 3 new civic, estou achando o Fluence melhor pelo consumo w maciez, recomendo

[Principais aspectos negativos] cambio cvt as vezes patina quando voce acelera muito de resto muito bom

[Defeitos apresentados] luz do tanquinho, problema cronico

[Best Cars Web Site] parabens ao BestCars pelo espaço

[Data de publicação] 26/9/14

[Nome] Clayton
[Cidade] São Paulo
[Estado] SP

[Versão] Dynamique 2.0 CVT
[Ano-modelo] 2011
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 30.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Não utilizo

[Estilo] 5
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 3
[Câmbio] 5
[Freios] 4
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 4

[Principais aspectos positivos] (Atualizando algumas informações após uma viagem de 1000km) Conforto na cidade. Ótima estabilidade na estrada até 130/140km/h. Câmbio CVT suave e intuitivo. Peso da direção proporcional à velocidade. Boa ergonomia. Torque disponível sempre. Ergonomia, bancos e silêncio permitem viajar longas distâncias sem cansaço.

[Principais aspectos negativos] Pequenas a médias flutuações na estrada em alta velocidade acima de 130/140km/h. Consumo ruim para um carro moderno (com gasolina): 6,5 km/l na cidade e 8,5 km/l na estrada. Acelerador e freio deveriam ser mais suaves. Alguns arremates de acabamento deveriam ser melhores, como os puxadores de porta, a tampa do reservatório de água para os esguichos do para-brisa sai facilmente e pode cair durante uma viagem, e o barulho de seta que é alto.

[Defeitos apresentados] Nenhum, mas estou há pouco tempo com o carro.

[Concessionárias] Não as utilizo, mas andei lendo que elas só perdem para Toyota e Honda.

[Comentários adicionais] Para mim, o destaque é o acerto de suspensão que a Renault conseguiu: o carro é um Landau na cidade, mas consegue ser muito estável na estrada, não obstante aceitáveis flutuações em alta velocidade. Qualidade da montagem, do projeto e do acabamento são bons, mas a Renault ainda está alguns degraus abaixo de uma Toyota, por exemplo, (como ilustração, tinha um Corolla 2001 que não transmitia o barulho da seta de forma tão alta como o Fluence), mas razoavelmente acima da dupla Peugeot/Citroen (aluguei um 408 para testar e ele está bem abaixo do Fluence em quase tudo).

[Best Cars Web Site] Um dos melhores canais de informação sobre carros: sério, meticuloso e abrangente.

[Data de publicação] 29/8/14

[Nome] Clayton
[Cidade] São Paulo
[Estado] SP

[Versão] Dynamique 2.0 CVT
[Ano-modelo] 2011
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 30.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Não utilizo

[Estilo] 5
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 3
[Câmbio] 5
[Freios] 4
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 4

[Principais aspectos positivos] Conforto na cidade. Estabilidade na estrada. Câmbio CVT suave. Peso da direção proporcional à velocidade. Boa ergonomia. Torque disponível sempre.

[Principais aspectos negativos] Pequenas a médias flutuações na estrada em alta velocidade acima de 130km/h. Consumo ruim para um carro moderno 6,5 km/l na cidade 8,5 km/l na estrada. Acelerador e freio deveriam ser mais suaves.

[Defeitos apresentados] Estou com o carro há pouco tempo.

[Comentários adicionais] Para mim, o destaque é o acerto de suspensão que a Renault conseguiu. O carro é um “Landau” na cidade, mas consegue ser muito estável na estrada, não obstante aceitáveis flutuações em alta velocidade.

[Best Cars Web Site] Um dos melhores canais de informação sobre carros: sério, meticuloso e abrangente.

[Data de publicação] 1/8/14

[Nome] Rubergil Violante Junior
[Cidade] Campinas
[Estado] SP

[Versão] Privilege
[Ano-modelo] 2012
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 50.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Parcialmente satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Parcialmente satisfeito

[Estilo] 4
[Acabamento] 2
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 4
[Motor] 5
[Desempenho] 4
[Consumo] 3
[Câmbio] 4
[Freios] 4
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Motor, câmbio suave, espaço interno, itens de conveniência, espaço interno, silêncio a bordo, suavidade. O carro é muito bom de dirigir.

[Principais aspectos negativos] Cambio CVT “patina” muito, o conversor de torque atua em demasia. Acambamento deixa a desejar, tanto nas peças plásticas interna como nos vãos da carroceria. O tanquinho de gasolina é uma desgraça, quase impossível de abrir, de tão duro. Pelo menos o meu não apresenta o tão comum problema de acender a luzinha direto.

[Defeitos apresentados] O carro apresentou vários problemas desde que o comprei há 6 meses, usado. Pode ser por desleixo do antigo proprietário, mas acredito mais em baixa qualidade do produto mesmo. Ei-los:
– Módulo do ABS com problemas (2 semanas na concessionária até esperar a peça)
– Forro do porta-malas solto (tiveram que apelar para resolver: meteram cola).
– Peças que soltaram: fixação do cinto traseiro, luzes de leitura traseira.
– Volante de couro descascando.
– Ar condicionado com funcionamento irregular (estou há um mês à espera do chicote elétrico chegar).

[Concessionárias] Mediano. O consultor se esforça para atender e tem boa vontade, mas a demora na resolução de problemas e na chegada de peças é irritante.

[Comentários adicionais] Estou desapontado com o carro. Ele tem muitas características dinâmicas excelentes e um custo-benefício imbatível, mas apresenta muitos defeitos e tem um pós-venda abaixo da crítica. Agora entendo por que vende pouco; a baixa qualidade da Renault está matando o carro, e acredito que ela jamais chegará ao nível de qualidade dos japoneses.

[Best Cars Web Site] O melhor site sobre carros desde que foi lançado.

[Data de publicação] 13/6/14

[Nome] Alexandre
[Cidade] Jaguariuna
[Estado] SP

[Versão] Dynamique CVT
[Ano-modelo] 2014
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 5.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Parcialmente satisfeito

[Estilo] 5
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 4
[Consumo] 4
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Pesquisei muito no segmento (408, Jetta, Corolla, Civic, Cruze) e não há melhor custo benefício do que o Fluence Dynamique na categoria (Câmbio CVT, 6 airbags, ABS com EBD e AFU, a/C dual zone, sensores crepusculares e de chuva, partida no botão, computador de bordo, cruise control com limitador, farol de neblina, porta malas de mais de 500 lt, etc). O espaço interno, desempenho e segurança se destacam. O estilo é sóbrio, mas atual. Na faixa dos 60K só o Fluence oferece tudo isso.

[Principais aspectos negativos] O acabamento interno poderia ser mais cuidadoso (vãos no painel). O externo não verifiquei desalinhamento dos vãos como nas primeiras unidades. Porta-malas perde um pouco da capacidade devido às alças que invadem o espaço ao fechar.

[Defeitos apresentados] Nenhum defeito até o momento.

[Concessionárias] Tive problemas com a entrega demorada, que segundo a concessionária seria devido a problemas na Argentina (greves, etc) e devido a um impasse comercial entre Brasil e Argentina. Parece que a importação do Fluence está à conta-gotas.

[Comentários adicionais] Excelente compra. Estou satisfeito com o carro. Fiz test drive no civic LXR, Cruze LT, Corolla Xei e 408 2.0…..nenhum carro oferece tanto quanto o Fluence.

[Best Cars Web Site] Uma referência para avaliação de veículos. Imparcial. Sempre consulto as opiniões dos proprietários antes de uma troca de carro!

[Data de publicação] 2/5/14

[Nome] Laercio Barros
[Cidade] Maringá
[Estado] PR

[Versão] Dynamique 2.0
[Ano-modelo] 2012
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 30.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Parcialmente satisfeito

[Estilo] 5
[Acabamento] 5
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 3
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 4
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Conforto, espaço, motor(extremamente silencioso), beleza externa…carro maior em tamanho(categ.), Custo beneficio,itens de série (complétissimo).

[Principais aspectos negativos] As alças do porta malas, e portas objetos são pequenos.

[Defeitos apresentados] não.

[Concessionárias] Peças de reposição demoram um eternidade. Foi feito um pedido na concessionaria de Mogi das Cruzes-SP,um acessório interno a mais de um mês não chegou ainda.

[Comentários adicionais] Carro lindo, bom demais. Aconselho a deixarem esses carros duros da wolkswagem,chevrolet,fiat,ford, ditos + nacionais. O fluence é superior, e não fica nada a dever para o corolla, civic.

[Best Cars Web Site] Liberdade de expressão,Parabéns. Aqui vc escreve suas opiniões sem restrição.

[Data de publicação] 7/3/14

[Nome] André
[Cidade] Curitiba
[Estado] PR

[Versão] Dyn CVT
[Ano-modelo] 2011
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 30.000 km
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito

[Estilo] 5
[Acabamento] 5
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 4
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 5
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Quarta avaliação que faço aqui no site. Estou com o carro há quase 3 anos e pouco mais de 30.000 km rodados. Todos os sistemas/recursos elétricos/eletrônicos do carro estão em perfeito funcionamento. Parte mecânica continua absolutamente impecável (câmbio, motor, suspensão, freios e direção). Nível de ruídos permanece baixo. Nenhuma peça de acabamento quebrou. No local do meu trabalho passo diariamente por 12 lombadas, e são daquelas bem pontudas. A suspensão nunca apresentou nenhum tipo de ruído ao passar por elas mesmo passando rápido. As coisas que mais gosto é o conforto para viajar e as fortes retomadas na estrada. Esses dias consegui fazer 15,3 km/l num trecho de 20 km, na gasolina e com ar ligado. Foi numa estrada litorânea, quase plana, andando em torno de 80 km/h.

[Principais aspectos negativos] Espaço para cabeça no banco de trás.

[Defeitos apresentados] Os chicotes das lanternas traseiras foram trocados na garantia, quando o pisca traseiro apresentou problemas. Queimou a lâmpada do farol baixo esquerdo. Às vezes quando subo uma rampa muito íngreme e em curva (estacionamento de shopping, por exemplo), a coluna direita traseira dá estalo, demonstrando que a estrutura poderia ser mais rígida. Meu carro tinha um ruído vibratório no motor quando estava frio e que foi resolvido agora na terceira revisão. Parece que era o chicote de uma sonda que estava encostado numa chapa metálica. Eles foram afastados e o ruído cessou totalmente.

[Concessionárias] A Globo Renault Alto da XV tem prestado bons serviços até agora.

[Comentários adicionais] Já fiz três revisões até agora e o preço médio delas ficou em R$ 398,00. Nos primeiros dois anos a desvalorização foi igual ao do Corolla GLi, que na época custava o mesmo tanto que o Dyn/CVT/Teto/Couro. Só agora que o Corolla começou a desvalorizar menos, e mesmo assim a diferença é pequena, de forma que eu não deixaria de comprar outro Fluence por causa da desvalorização. Ainda devo ficar mais três anos com o carro, mas se fosse trocar hoje acredito que eu iria acabar comprando outro Fluence.

[Best Cars Web Site] Excelente site! Eu apenas gostaria que tivesse avaliações reais do desempenho dos carros.

[Data de publicação] 7/2/14

[Nome] André Luís Klostermann
[Cidade] Curitiba
[Estado] PR

[Versão] Dynamique CVT 2.0
[Ano-modelo] 2013
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 20.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Insatisfeito

[Estilo] 4
[Acabamento] 3
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 3
[Consumo] 3
[Câmbio] 4
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Carro muito confortável e espaçoso, nível de equipamentos melhor que o da concorrência com um preço mais baixo

[Principais aspectos negativos] Design externo não é dos mais bonitos, acabamento interno com peças mal encaixadas, plástico das portas faz ruído ao se utilizar

[Defeitos apresentados] Motor falha quando frio ao se utilizar álcool

[Concessionárias] Apesar de satisfeito com o carro, não planejo ter outro Renault depois desse por causa da concessionária, tive problemas na compra, com o vendedor passando informações erradas e atrasando a entrega do carro, e no pós-vendas, o problema com a motor falhando apareceu por volta de 5000 km, já foi verificado pela concessionária 4 vezes e não foi resolvido

[Comentários adicionais] Acho meio absurdo um carro de quase 70 mil não oferecer GPS nem sensor de estacionamento, nem como opcional – no Fluence só está disponível nas versões Privilege e GT, mas no meu caso era preciso desembolsar 10 mil a mais

[Best Cars Web Site] Muito interessante essa coluna, bem estruturada para captar informações dos veículos

[Data de publicação] 13/12/13

[Nome] Alexandre
[Cidade] São José dos Campos
[Estado] SP

[Versão] Dyn CVT 2.0
[Ano-modelo] 2013
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 10.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Parcialmente satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito

[Estilo] 3
[Acabamento] 3
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 2
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 3
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 4

[Principais aspectos positivos] Atualização do comentário anterior.

[Principais aspectos negativos] Atualização do comentário anterior.

[Defeitos apresentados] Continua sem defeitos de qualquer espécie.

[Concessionárias] Como fiz a revisão de 10.000 km, achei importante atualizar o comentário. E o estou fazendo por um bom motivo: achei o atendimento de um modo geral EXCELENTE. A concessionária (Itavema France de SJCampos) tem boa estrutura e atendimento condizente com o fato de ser a única Renault da região. A revisão (preço fechado) foi de R$ 222 + 35 (kit de lubrificação de portas, etc), totalizando R$ 257,00. Faço o rodízio por fora, portanto, ele não está incluso neste valor. Achei o preço bem em conta (pelo menos em relação ao meu antigo Sentra, cuja primeira revisão foi de uns R$ 700,00 – em 2010… O consultor técnico, Flavio, realizou um atendimento de primeira qualidade. Recomendo tanto o consultor quanto a concessionária.

[Comentários adicionais] O tempo foi passando e eu estou gostando mais do carro. Se fosse hoje, mesmo com os atuais lançamentos, ainda assim eu o compraria novamente, porque o custo benefício continua imbatível.

[Best Cars Web Site] O retorno da Análise Prolongada (do C4 Lounge) foi excelente !

[Data de publicação] 13/12/13

 

 

SEM COMENTÁRIOS