Fiat Siena

[Nome] Leandro Jefferson
[Cidade] São Paulo
[Estado] SP

[Versão] 1.6 16V Essence
[Ano-modelo] 2011
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 10.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito

[Estilo] 5
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] 4
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 4
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 4
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Por ser um projeto relativamente antigo, teve melhorias ao longo de seus 15 anos de vida. O motor 1.6 16V de 117CV agrada bastante pela disposição e economia (8Km/l álcool em cidade com trânsito pesado e 11,5Km/l em estrada). Vem de série com rodas 15” e pneus 185/60, melhorando a estabilidade e o comportamento em altas velocidades. Carro muito silencioso, confortável e os itens de conveniência agradam; abertura interna do porta-malas e tanque de combustível, regulagem de altura do volante, retrovisores elétricos, porta-objetos, som MP3 integrado ao painel, comp. de bordo, etc. Os faróis projetores, que em geral equipam veículos de categorias superiores, dão um show de iluminação! O acabamento, comparando com carros da mesma faixa de preço, é ótimo! Porta-malas bem generoso!

[Principais aspectos negativos] Devido a idade do projeto, o espaço no banco traseiro é bom para até 2 ocupantes; 3 somente em trajetos curtos. As saída centrais de ar no painel são baixas, reduzindo a eficiência do sistema em dias mais quentes, mas o Ar Cond. dá conta do recado. A carroceria inclina um pouco em curvas mais acentuadas, mesmo assim é possível sentir o carro na mão, sobretudo por ter os pneus 185/60 R15. O banco traseiro possui 3 encostos de cabeça, mas o cinto central não é retrátil de 3 pontos.

[Defeitos apresentados] Logo nos primeiros dias ele apresentou uma pequena falhação em giros baixos, mas bastou uma visita na concessionária para atualizarem o sistema e resolver o caso.

[Concessionárias] O veículo foi adquirido e levado para as revisões na concessionária VENICE da Av Pres. Tancredo Neves, Vila das Merces, São Paulo-SP. O atendimento sempre foi muito bom.

[Comentários adicionais] Desnecessário falar sobre a evolução da FIAT quando lembramos dos 147 e dos primeiros Uno. O Siena é um carro honesto, bem aceito pelo mercado e possui um dos custos de manutenção mais baixos da categoria, além de possuir resistência mecânica mais do que comprovada. A suspensão é um exemplo! Outro ponto positivo – que posso dizer que foi uma grata surpresa – é esse motor e.torQ! Mais do que o fato de não ter correia dentada, é um propulsor que resgatou aquela sensação deliciosa de acelerar um FIAT, especialmente em giros mais altos! Desde que a FIAT passou a utilizar o jurássico 1.8 de origem GM, deixei de comprar os carros da marca, mas esses novos motores trouxeram de volta a alma “temperada” dos carros da montadora italiana.
Recomendo este Siena para uma família pequena, com até 4 pessoas.

[Best Cars Web Site] Mesmo após tantos anos, o BCWS ainda é minha única fonte de informação confiável.
No BCWS nós lemos o que toda a imprensa deveria escrever mas acaba não fazendo por falta de coragem (para não desagradar as montadoras).
Espero que continuem sempre assim, desenvolvendo este trabalho exemplar e de utilidade pública!

[Data de publicação] 6/9/12

[Nome] Rodrigo Magalhães Braga
[Cidade] Belo Horizonte
[Estado] MG
[E-mail] não publicado a pedido

[Versão] HLX 1.8
[Ano-modelo] 2010
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 25.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Parcialmente satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Insatisfeito

[Estilo] 4
[Acabamento] 3
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 3
[Itens de conveniência] 3
[Espaço interno] 4
[Capacidade de bagagem] 4
[Motor] 4
[Desempenho] 4
[Consumo] 3
[Câmbio] 4
[Freios] 4
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 3
[Segurança passiva] 3
[Custo-benefício] 4

[Principais aspectos positivos] – Dimensões externas compactas.
– Visual e acabamento (tecido) interno é agradável.
– Porta revista na parte de trás dos bancos dianteiros.
– Revisões a cada ano (melhor do que de 6 em 6 meses).
– Boa capacidade do porta malas para um sedã pequeno.
– Volante e banco dianteiro do motorista com regulagem de altura.
– Fácil acesso para o motorista aos vidros elétricos e trava da porta.
– Existe opção para desativação manual do airbag frontal do passageiro.
– Boa iluminação interna, apesar de utilizar apenas duas lâmpadas centrais.
– Boa posição de dirigir (para o meu físico: 1,7m x 70kg) e gostoso de dirigir.
– Confortável (devido aos bancos com bom acabamento/macios e suspensão macia).
– Visual externo é bonito e agrada (principalmente linhas dos faróis/grade dianteira e parte traseira).
– Bom consumo de combustível na estrada (com gasolina), mesmo com ar condicionado ligado (para um motor 1.8 de projeto antigo).
– Alavanca de fácil acesso ao motorista para abrir o compartimento do tanque de combustível (com backup: uma cordinha no porta malas) e o porta malas.
– Motor 1.8 tem bom torque em baixa/média rotação e não apresenta ruído tão elevado na estrada ou em alta rotação (o acabamento interno no capô ajuda).

[Principais aspectos negativos] – Porta luvas poderia ser maior.
– Não tem porta objetos no porta malas.
– Retrovisores externos não têm luz de direção integrada.
– Pára-sol do motorista e do passageiro não vêm com iluminação.
– Acesso à caixa de fusíveis poderia ser mais fácil (sem perder a segurança).
– Não tem opção original do fabricante para abertura elétrica do porta malas.
– Garantia ridícula de tão curta: apenas 1 ano pela Fiat (deveria oferecer no mínimo 3 anos).
– Encostos de cabeça traseiros têm apenas dois níveis de trava (baixo ou alto, não há travas medianas).
– Localização da antena do rádio é ruim do ponto de vista visual (deveria ficar na parte traseira do teto).
– Porta objetos para copos, localizados logo a frente da alavanca do câmbio, não estão em um local adequado.
– Volante (versão padrão, sem couro) não oferece uma pega muito firme (acabamento é um pouco escorregadio).
– Tanque de combustível com baixa capacidade (bom que você “gasta” menos no posto, mas limita sua autonomia).
– Capô tem um básico sistema de suporte quando aberto (barrinha de meta). Qual o problema em fazer um sistema com suspensão?
– Farol bi-parábola não tem opção de fábrica (somente terceiros) para iluminação branca (ao invés da original ligeiramente amarelada).
– Alavanca da regulagem de altura do banco do motorista somente pode ser confortavelmente utilizada com a porta do motorista aberta.
– Porta objetos deveriam ter acabamento emborrachado para reduzir ruídos durante o rodar do veículo (com alguma coisa nos porta objetos).
– Soquete de energia (12V) no console não é 100% compatível com todos os adaptadores veiculares (mal contato durante o transitar do veículo).
– Medida dos pneus não é fácil de ser encontrada (185/60R15; somente há pouquíssimos modelos produzidos pela Goodyear, Pirelli e Michelin).
– Cintos de três pontos dianteiros deveriam ser integrados nos bancos e não tem cinto de três pontos para o passageiro do meio no banco traseiro.
– Apesar de o veículo ter vindo com rodas de 15” e calotas com design de “15 aros”, a Fiat não oferece uma roda de liga leve com o mesmo design da calota.
– Não pode receber alguns acessórios originais na concessionária, somente na fábrica (como apoio de braço para o motorista e retrovisores externos elétricos).
– Por causa da suspensão macia (e outras características), quando carregado e subindo uma rampa, pode raspar o fundo da traseira (região onde fica o estepe).
– A Fiat permitiu variação dos modelos de retrovisor (alguns carros tem retrovisores maiores, pelo menos no quesito altura) em veículos de mesmo modelo/ano.
– Não acomoda relativamente bem mais do que dois passageiros medianos no banco traseiro (devido ao espaço interno disponível e design da parte central do banco).
– A iluminação na cor laranja do painel (com faróis ligados) e os “ponteiros” na cor vermelha não ajudam no contraste para uma fácil visualização da velocidade/rotação.
– Painel mescla componentes/acabamento com cores cinza / preta / prata, o que não fica tão agradável (eu prefiro tudo preto, e claro, os bancos e outros tecidos têm que acompanhar a tonalidade).
– Suspensão é muito macia para uma direção um pouco mais esportiva (mas, com conhecimento, o motorista doma com maior facilidade o veículo ao conhecer suas capacidades em curvas).
– Acabamento interno, apesar de ter mais tecido do que as versões mais básicas, ainda não é tão bom (ainda usa muito plástico de baixa qualidade e o acabamento na junção das peças não é bem feita).
– A iluminação interna traseira poderia ter um botão liga/desliga no painel para facilitar a vida do motorista, além de somente funcionar quando uma porta traseira fosse aberta. Não existem também luzes de leitura dianteiras nem traseiras.
– Não vem de fábrica com palhetas (limpador de para-brisa) do tipo Aerotwin (ou Flat Blade), nem é possível regular a posição dos jatos de água para o para-brisa. Não tem limpador para o vidro traseiro (uma falha de engenharia para quase todos os sedãs).
– Sistema de ventilação tem uma relação ventilação/ruído negativa, ou seja, poderia ser capaz de circular mais ar pelo barulho que faz, além de sair um ar estranho com temperatura/cheiro desagradável se você usou usar o carro com o ar condicionado a pouco tempo.
– Motor 1.8 é apenas uma melhora pequena de motores muito antigos (um dos problemas de boa parte dos carros nacionais): o motor poderia oferecer maior potência, maior torque em baixo giro e, principalmente, MELHOR CONSUMO de combustível (principalmente na cidade).
– Lanternas traseiras de freio e posição (vermelhas) são bonitas e eficientes (principalmente a noite). A lanterna indicadora de direção (pisca pisca lateral) tem dimensões muito pequenas para ser realmente eficiente e promover boa visibilidade (principalmente de dia). Custava o projeto contemplar o uso de leds ao invés de lâmpadas comuns?
– Console central “traseiro” não é tão útil quanto parece, além de limitar ainda mais o espaço para as pernas/pés de quem vai no banco traseiro (parte central). Seria muito melhor remover esse console e fazer um cobrindo parte do freio de mão, mais alto, e sem precisar ultrapassar a linha dos bancos frontais (ou seja, sem incomodar o espaço para os passageiros atrás).
– Alto falantes originais da Fiat são uma porcaria. A preparação para som, oferecida de fábrica, deveria vir também com opção apenas de cabeamento + antena (ou seja, sem alto falantes). Péssimo design da região destinada aos alto falantes traseiros (apesar de suportar modelos de 6”, a altura do alto falante tem que ser muito pequena, o que não é o padrão da indústria). A solução é fazer adaptação.

[Defeitos apresentados] – Estalos no volante ao ser girado em algumas situações.
– Região da roda dianteira direita estalando ao fazer manobras de estacionamento.
– Ruídos em vários pontos (coluna C, parte traseira, painel, laterais, região do motor, etc).
– Vibração interna ao passar de 2.000rpm (até 3.000rpm), principalmente em 2ª / 3ª / 4ª marchas em aclive.
– Lanterna (do farol/traseiras) fica acessa quando se liga o carro mesmo com o interruptor na posição desligado (problema intermitente).
– Roda dianteira esquerda raspa em alguma coisa (caixa de roda, talvez) ao girar o volante todo para a direita e mover com o veículo.
– Vidros elétricos dianteiros com barulhos/estalos, movimento lateral elevado e redução da velocidade em alguns pontos, além de riscar a parte externa do vidro durante o uso contínuo.
OBS: a maioria dos problemas a concessionária TECAR diz que é normal (isso, me chama de otário), e a Fiat nada faz.

[Concessionárias] Em BH/MG:
– Automax: é uma raridade atender ao telefone e nunca responde e-mail com cotações. Isso já demonstra a qualidade (baixíssima) do atendimento. Somente quando fui comprar um parafuso lá, para a caixa de fusível, tive um bom atendimento de um funcionário, que resolveu o meu problema (mesmo o catálogo de peças da Fiat ser uma meleca).
– Roma: é uma raridade atender o telefone e nunca responde e-mail com cotações. Mais outra que peca no atendimento.
– Tecar: quando deixo o meu veículo, ele volta com um problema novo ou metade do que pedi para resolver não é executado. Sempre inventam desculpas para não resolver alguns problemas (dizem que é uma coisa normal, uma mentira descarada), mesmo quando eu estou pagando. Lavagem feita no veículo antes de entregar ao cliente é muito mal executada (era melhor deixar do jeito que estava). Estão pouco se lixando para bons clientes, visto que sempre tem carro chegando para fazer serviço (e com isso, dinheiro sempre vai entrar no caixa). Serviços caros se for olhado a péssima qualidade da execução.

[Comentários adicionais] – Assim como diversos outros veículos, é possível ver que quem faz o carro, não o dirige para ver se o design dos componentes/instrumentos e a ergonomia bate com as necessidades da realidade e do público foco. Com pequenas diversas correções este veículos seria muito melhor.
– O maior problema do carro é o atendimento desleixado / de péssima qualidade do fabricante (FIAT) e das suas concessionárias. Já vi a meleca que é a Chevrolet e suas concessionárias, a Ford e suas concessionárias e agora a Fiat e suas concessionárias. Na próxima, vou ter que partir para japonês ou chinês.
– E claro, a palhaçada do alto custo do veículo e suas peças e acessórios (não dá pra deixar isso de fora né). Obrigado fabricantes (alou Fiat) e Governo.

[Best Cars Web Site] – Esta seção poderia ter opção para o usuário colocar algumas fotos de seu carro e os campos para texto poderiam ser maiores (em termos de layout, para que o usuário veja com facilidade o que escreveu).
– O site Best Cars poderia ganhar um novo visual no site e melhorar um pouco algumas ferramentas (principalmente busca), mas do jeito que está já faz um ótimo serviço.

[Data de publicação] 2/6/12

[Nome] José Ricardo Gonçalves Manzan
[Cidade] Uberaba
[Estado] MG
[E-mail] não publicado a pedido

[Versão] ELX 1.4
[Ano-modelo] 2005
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 150.000 km
[Tempo há que possui] De 3 a 5 anos

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Parcialmente satisfeito

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] 4
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 4
[Consumo] 5
[Câmbio] 4
[Freios] 5
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 3
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Durabilidade do motor. Consumo. Porta malas. Desempenho. Força para enfrentar subidas mesmo estando carregado. Manutenção confiável e barata.

[Principais aspectos negativos] Abertura do porta malas. Espaço para passageiros do banco traseiro poderia ser um pouco maior. A suspensão é muito macia, mas isso deixa o carro um pouco mole em curvas (dá para conviver se o motorista for prudente).

[Defeitos apresentados] Sensor do pedau da embreagem (50 mil km).

[Concessionárias] Na minha cidade há uma revenda de peças originais. Tenho usado esse serviço e tenho tido bastante êxito. Já utilizei a concessionária uma vez, mas achei o serviço caro.

[Comentários adicionais] Para quem quer ter um carro macio, com um bom porta-malas, potência razoável aliada a um consumo exemplar e manutenção barata e confiável é o carro. Além disso tem bom valor de mercado, baixa desvalorização e seguro barato.

[Best Cars Web Site] Parabéns pela iniciativa. Isso com certeza ajudará muitas pessoas que desejam se informar melhor antes de adquirir um veículo. É muito melhor conhecer um carro pela opinião de quem tem do que ficar acompanhando reportagens tendenciosas e pouco esclarecedoras.

[Data de publicação] 7/4/12

[Nome] Pedro Meirelles
[Cidade] Rio de Janeiro
[Estado] RJ
[E-mail] não publicado a pedido

[Versão] 1.4 tetrafuel
[Ano-modelo] 2011
[Combustível] Gasolina e GNV
[Quilometragem atual] 50.000 km
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Parcialmente satisfeito

[Estilo] 4
[Acabamento] 3
[Posição de dirigir] 3
[Instrumentos] 4
[Itens de conveniência] 3
[Espaço interno] 2
[Capacidade de bagagem] 4
[Motor] 4
[Desempenho] 3
[Consumo] 4
[Câmbio] 4
[Freios] 4
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 4
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Economia no gás(11 km na cidade e 15 na estrada) com gás.Confiabilidade,baixo custo de manutanção e opcionais

[Principais aspectos negativos] potência no gás com ar ligado,espaço no banco de trás.

[Defeitos apresentados] somente a fechadura da porta do motorista

[Concessionárias] Utilizei a Milocar e Roma.A Milocar me entregou o carro okm sujo e com os pneus vazios.Quanto as revisões sem problemas.

[Comentários adicionais] Muito bom, não dá defeitos e o sistema de gás original da FIAT até agora se mostrou impecável.Espero que a FIAT lançando o novo Siena coloque um motor e-torq na versão tetrafuel pro carro ter mais saúde porque essa versão me atende pois sou taxista e quero robustez e economia , mas o desempenho é fraco.

[Best Cars Web Site] Muito boa, não compro um novo carro sem consultar a seção.

[Data de publicação] 7/4/12

[Nome] Alessandro M Santos
[Cidade] Bela Vista
[Estado] MS
[E-mail] fangigi@uol.com.br

[Versão] 1.8 HLX FLEX
[Ano-modelo] 2005
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 60.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito

[Estilo] 5
[Acabamento] 5
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 3
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 4
[Consumo] 4
[Câmbio] 5
[Freios] 4
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 3
[Segurança passiva] 4
[Custo-benefício] 4

[Principais aspectos positivos] carro bonito, gostoso de dirigir, não bebe muito para o motor de 114 cv, o ar condicionado dói de tão gelado.

[Principais aspectos negativos] preço de revenda deveria ser maior.

[Defeitos apresentados] trava do rolamento da semi-junta da homocinética lado direito (serviço e peça: r$ 175,00), vazamento da mangueira do compressor (r$ 270,00) e nada mais é só rodar.

[Comentários adicionais] quando for trocar o óleo dou um segredo para seu motor ser a máquina de sempre: shell 10 w 30 heliz (vazilha azul): r$ 31,00 o litro. troque a cada 7.500 km

[Best Cars Web Site] esta seção da best cars tem servido para orientar o consumidor a adquirir carros com mais precisão valorizando assim o dinheiro suado dos brasileiros. parabéns pelo espaço aberto!

[Data de publicação] 14/1/12

[Nome] Anderson Peres Marques
[Cidade] Farroupilha
[Estado] RS
[E-mail] aperesmarques@hotmail.com

[Versão] ELX 1.4 ATRACTIVE
[Ano-modelo] 2010
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 20.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito

[Estilo] 5
[Acabamento] 5
[Posição de dirigir] 5
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 5
[Espaço interno] 4
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 4
[Desempenho] 5
[Consumo] 5
[Câmbio] 5
[Freios] 4
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 5
[Segurança passiva] 4
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Conforto” sem comentário”, espaço do porta-malas” 500 L é perfeito para mim”, economia” os 12,5 km/l na cidade está me agradando muito”, beleza” sem comentário”, estabilidade e itens dessa série” o rádio completo, MP3, Bluetooh, USB,os bancos de veludo, volante com regulagem, sensor de estacionamento, as rodas de liga são lindas e etc”; Eu nunca tive um carro com essa motorização, e me surpreendi, pois não fica para trás diante do 1.6 AP 8V do Gol G3 que eu tinha; O conjunto de pneus 185 65 14 PIRELLI P6 se mostraram excelentes em qualquer terreno.

[Principais aspectos negativos] O banco de trás não é confortável para 3 pessoas, o motor ao arrancar em 1ª marcha rende muito pouco, deve-se ser audacioso e ágil em cruzamentos perigosos, os freios não são tão eficientes, mas o próximo eu pego 1.6 e com ABS…

[Defeitos apresentados] Nenhum.

[Concessionárias] Na revisão dos 15000 km’s não tenho reclamação

[Comentários adicionais] Não saiu mais da linha “FIAT SIENA”

[Best Cars Web Site] Excelente espaço para falar sobre carros, ajudando quem quer adquirir um ótimo carro e tem dúvidas, pois comprei o meu SIENA a partir do que li aqui, obrigado pessoal da Best Cars e proprietários do FIAT SIENA…

[Data de publicação] 14/1/12

[Nome] Emerson Laureano
[Cidade] Rio de Janeiro
[Estado] RJ
[E-mail] não publicado a pedido

[Versão] EL 1.0
[Ano-modelo] 2010
[Combustível] Flexível
[Quilometragem atual] 15.000 km
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Parcialmente satisfeito

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] 3
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 4
[Desempenho] 4
[Consumo] 3
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 3
[Segurança passiva] 4
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Confortável, mesmo pra um veiculo desta categoria não deixa a desejar, boa ergonomia, gostoso de dirigir, porta-malas enorme 500 L, excelente pra um carro com espaço interno reduzido.

[Principais aspectos negativos] Espaço interno e os pisca traseiros, eles parecem um “filetinho” e as vezes não chama atenção dos outro motoristas pra conversão que se fara. Graças a Deus, nunca tive este problema, mas reparo nas ruas com outros sienas idênticos.

[Defeitos apresentados] 1º) – Quando estava com cerca de 1000KM, o banco traseiro rangia demais, rebati o encosto e coloquei uma espuma entre a chapa do banco e a barra de ferro, solucionou o problema. Quando completou 1 ano e a garantia estava pra expirar,levei na Roma veículos na Mangueira e la eles tentaram sem sucesso solucionar o problema sem ter que utilizar a espuma, que por sinal esta la ate hoje. 2º) – O friso lateral prateado que foi colocado como “cortesia” pela concessionaria, com cerca de 2 meses, começou a criar pequenas bolhas e descascar. Na revisão de 1 ano, a Roma disse que entraria em contato comigo pra substituição posterior, mas, isso nunca foi feito e como e quase imperceptível, deixei de lado. 3º)- Freio de mão muito desregulado, aos 7500KM já estava la encima. Foi regulado na revisão de 1 ano. 4º) – Batida de pino quando abastecido apenas com gasolina na revisão de 1 ano (garantia), chegaram ate a regular a embreagem, mas, ate hoje pra não bater pino (E AI VAI UMA DICA), ao abastecer com gasolina, tenho que sempre “batizar” com um pouquinho de álcool e ai ele roda sereninho sem o incomodo barulho de pinos ao acelerar. Rodar só com gasolina pura nem pensar e nem adtivada resolve.

[Concessionárias] Comprei o carro na Roma da Mangueira (Rua Sao Francisco Xavier), a compra se deu sem problemas, inclusive com pouca espera pela entrega do carro, mas, no dia marcado, o vendedor marcou pras 12:00hs, cheguei cerca de 15mim antes e ele já havia saído pra almoçar, chegando apos as 13:00hs. Ora ele não sabia o horário de almoço ? Outra informação errada dele era sobre as taxas de emplacamento do Detran, acabou nos obrigando a pagar uma taxa a mais que tive que perder tempo indo ao Detran e abrindo processo para ser restituído no pagamento a mais que eu havia feito.

[Comentários adicionais] Apesar dos defeitos apresentados, todos foram sanados sem problemas na concessionaria, menos o barulho no encosto no banco traseiro, que tenho que manter ate hoje a espuma entre a chapa e o encosto, mas, como não aparece, estou deixando assim mesmo.

[Best Cars Web Site] Ótimo canal de informação e pesquisa dos usuários, deve ser leitura obrigatória antes de alguém se decidir por comprar um carro.

[Data de publicação] 14/1/12