Chevrolet Equinox

2018 Chevrolet Equinox

 

Participe: opine sobre seu carro

 

[Nome] Marcio Antonio Garmatz
[Cidade] São José dos Pinhais
[Estado] PR

[Versão] Premier
[Motor] 2.0 Turbo
[Ano-modelo] 2018
[Quilometragem atual] 5.000 km
[Combustível] Gasolina
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com o carro] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito(a)

[Estilo] 4
[Acabamento] 4
[Posição de dirigir] 4
[Instrumentos] 5
[Itens de conveniência] 4
[Espaço interno] 5
[Capacidade de bagagem] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 3
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 4
[Segurança passiva] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Primeiramente o custo x benefício, principal motivo da aquisição (paguei R$ 149.900,00, preço no lançamento), ganhando inclusive do meu último carro, o Fusion, que já é excelente nesse critério. A seguir vem conjunto motor/câmbio que dá muito prazer ao dirigir. O conjunto funciona suavemente, a entrega de potência é progressiva, lembrando um aspirado girador, diferente dos outros carros turbo modernos que dirigi, que fornecem todo o torque no inicio e depois se mantém estável, deixando o carro meio “xoxo” em alta. O conjunto também não tem aquele lag bem no inicio, a partir da marca lenta, característicos dos turbinados. O cambio trabalha suavemente, trocas imperceptíveis no uso moderado e respostas rápidas quando solicitado, nenhum tranco até hoje. A possibilidade de desligar o AWD é muito bom para economizar combustível na cidade. Talvez seja o carro mais prazeroso de dirigir que já tive.
Espaço: carro muito amplo internamente, na frente e atrás que tem assoalho plano e ótimo espaço para as pernas. O porta malas não é gigante, mas é mais que suficiente para família. Só não tem mais volume por conta do alçapão (que acomoda um bom volume, como exemplo carreguei um saco de ração de 15 kg no nicho central) mas deixa o assoalho no nível da abertura da tampa que facilita a carga/descarga. Suspensão: para o meu gosto, a suspensão está muito bem acertada, com um ótimo equilíbrio entre conforto e estabilidade para um SUV, diferente de outros que dirigi e eram muito secos ou muito moles. Faróis: excelentes faróis de LED, com comutação automática. Iluminação perfeita. Fiz viagens noturnas e é outro mundo esses faróis. Completando a CMM é muito fácil de operar, o computador de bordo é bem completo, o carro tem itens de segurança e comodidade só disponível em SUVs bem mais caros.

[Principais aspectos negativos] Diâmetro de giro muito grande, dificultando manobras em locais apertados. Impossibilidade de desligar o Stop/Start, no começo era estranho, agora já acostumei e não incomoda mais. Alguns sites dizem que atrapalha o funcionamento do ar condicionado, mas não procede, quando precisa o sistema liga o motor e temperatura se mantém constante em qualquer situação. Troca de marchas manuais no pomo da alavanca de câmbio, nada ergonômico. Carece de “borboletas” num carro que tem pretensões de conduta esportiva.
Regulagem do banco do passageiro manual, deveria ser elétrica na minha opinião. Deveria ir com aquecimento (pelo menos) e refrigeração nos bancos. A versão americana tem, inclusive nos bancos de trás. O aspecto do acabamento do interior do carro: os materiais são de boa qualidade e os encaixes são excelentes, não há rebarbas, porém há muito plástico rígido, o que dá um aspecto “pobre” para a categoria e preço. Se os painéis das portas e a parte plástica do painel fosse substituído por um material emborrachado já melhoraria muito a primeira impressão ao entrar no carro. Discordo quanto ao demérito de ser parecido com interior do Cruze, o desenho é agradável, limpo, botões grandes, bem localizados e identificados, tudo muito funcional e prático. Ademais quase todas as marcas tem um padrão de desenho interno.

[Defeitos apresentados] Nenhum defeito até o momento.

[Concessionárias] No período da venda, excelente. Bom atendimento e o carro chegou antes do previsto. Na entrega do carro a funcionária não conhecia todos os recursos do carro, o que é comum. Exemplo: que cada chave memoriza uma posição do banco do motorista. Mas o que vai valer é daqui em diante, por enquanto não precisei.

[Comentários adicionais] Consumo: em viagem recente de 400 km, respeitando os limites da via (110 km/h), AWD ligado, com algumas pisadas mais intensas (ninguém é de ferro), trecho com serra (Curitiba – São Francisco do Sul – SC), um bom quantia de trajeto urbano, fiz a média de 11,2 km/l, o que acho bom. Em trajeto parecido e com a mesma carga o Fusion Ecoboost AWD fazia 11 km/l. Já consegui 12,5 km/l em uma viagem de 300 km, mas sem curtir o carro, andando para economizar e sem andar dentro da cidade. Na cidade, sem vias rápidas, está fazendo 8,2 km/l.

[Best Cars] Insuperável na qualidade e confiabilidade do conteúdo e sempre evoluindo.

[Data de publicação] 18/5/18