Honda CBR 600 F e 650 F

Honda CBR 650F

 

Participe: envie opinião sobre sua moto

 

[Nome] Patrick
[Cidade] Capanema
[Estado] PR

[Versão] CBR 650F
[Motor] 650
[Ano-modelo] 2015
[Quilometragem atual] 5.000 km
[Combustível] Gasolina
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com a moto] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Parcialmente satisfeito(a)

[Estilo] 5
[Acabamento] 4
[Posição de pilotar] 5
[Instrumentos] 4
[Conforto] 4
[Motor] 5
[Desempenho] 4
[Consumo] 4
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 4
[Estabilidade] 5
[Custo-benefício] 4

[Principais aspectos positivos] O design é lindo, faz a Hornet e a CBR 600 parecerem 10 anos mais velhas. Posição de pilotagem muito boa, não cansa muito em longas viagens. Consumo bom para uma quatro cilindros. Boa potência e torque muito forte. Apesar do que dizem os Horneteiros é uma evolução e continua sendo a melhor da categoria!

[Principais aspectos negativos] A estabilidade é ótima, mas a versão CBR merecia uma suspensão invertida por questão de esportividade. Falta um indicador de marchas e de temperatura do motor. Uns 10 a 15 cavalos de potência a mais não faria mal.

[Defeitos apresentados] Nada até agora só andei.

[Concessionárias] A Honda tá igual a VW alguns anos atrás quando dominava o mercado de automóveis, não trata com a devida atenção os seus clientes. O preço das peças e serviços ainda estão muito altos.

[Comentários adicionais] Aquela velha choradeira dos Horneteiros não faz sentido, a 650 é uma ótima moto e se perder um alguma coisa para a antiga 600 vai ser uma diferença imperceptível para nós meros pilotos de rua. Troquei os pneus originais Dunlop pelos Michelin Road 2, a moto ficou muito melhor em curvas, sem falar que a durabilidade é maior dos Michelin, com os Dunlop fiz só 6.500 kms. Em resumo é uma ótima moto, claro que pode evoluir muito ainda, mas com certeza isso vai ocorrer com o passar do tempo.

[Best Cars] Best Cars é leitura obrigatória para todos os apaixonados que desejam analisar o lado técnico dos carros e motos. É o melhor site sobre esse assunto da net.

[Data de publicação] 17/11/17

 

 

[Nome] Rodrigo de Sousa Campista Ferraz
[Cidade] Barra do Piraí
[Estado] RJ

[Versão] CBR650F
[Motor] 650
[Ano-modelo] 2015
[Quilometragem atual] 10.000 km
[Combustível] Gasolina
[Tempo há que possui] De 1 a 3 anos

[Grau de satisfação com a moto] Muito satisfeito(a)
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Parcialmente satisfeito(a)

[Estilo] 5
[Acabamento] 5
[Posição de pilotar] 5
[Instrumentos] 5
[Conforto] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 5
[Câmbio] 5
[Freios] 4
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Essa moto é fantástica, destaque para o conforto, economia e força (torque), fiz uma viagem recente de 600km/dia. Você chega inteiro, ela permite várias posições de pilotagem. Suspensão macia, carenagem segura legal a pressão do vento, e também não joga aquele vento quente do radiador em baixa velocidade nas pernas, pois fizeram saída aletas para desvio. Faz curvas como uma esportiva. E o consumo? Condução normal ela fez 22km/L, já na condução esporte fez 19,5km/L. Incrível. Freios ABS, funcionam muito bem, salva legal. Motor redondo, macio, entrega de potência linear, muito forte.

[Principais aspectos negativos] Ainda estou para descobrir.

[Defeitos apresentados] Somente o peso do guidão que caiu duas vezes. Agora deram jeito.

[Concessionárias] Satisfeito.

[Comentários adicionais] Ela une as qualidades do conforto de uma naked, com o visual e condução de uma esportiva. E fica bonita nas fotos.

[Best Cars] Excelente ferramenta para tomada de decisão mas hora de comprar um veículo. Sempre consulto a opinião dos leitores.

[Data de publicação] 27/1/17

 

 

[Nome] Guilherme Fabrício do Nascimento Silva
[Cidade] Rio de Janeiro
[Estado] RJ
[E-mail] não publicado a pedido

[Ano-modelo] 2012
[Quilometragem atual] 1.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com a moto] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Muito satisfeito

[Estilo] 5
[Acabamento] 5
[Posição de pilotar] 4
[Instrumentos] 4
[Conforto] 5
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 5
[Câmbio] 5
[Freios] 5
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 5
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] A moto é realmente surpreendente, saí de uma FZ6s que também era muito boa. Impressionante como ela não cansa em grandes distância e seu motor é lisinho. Vale em todos os ambientes moto muito polivalente, recomendo sua compra.

[Principais aspectos negativos] Poderia ter guidão ao invés de semi-guidões, ou estes poderiam ser mais altos, pois, mesmo sendo confortável o uso geral da moto, são bem sentidos na cidade e às vezes, o piloto quer se manter mais ereto na pilotagem. A falta dela nas lojas, demanda muito alta faz com que alguns CC’s cobrem até 2,5 mil de ágio.

[Concessionárias] Muito bom até agora, contando que esta é minha terceira moto honda e a segunda Zero KM.

[Comentários adicionais] Podem comprar a moto.

[Best Cars Web Site] Excelente mecanismo de pré-avaliação de veículos.

[Data de publicação] 21/4/12

[Nome] Deivid Monteiro da Silva
[Cidade] São Paulo
[Estado] SP
[E-mail] deividfei@gmail.com

[Ano-modelo] 2012
[Quilometragem atual] 5.000 km
[Tempo há que possui] Até 1 ano

[Grau de satisfação com a moto] Muito satisfeito
[Grau de satisfação com a rede de concessionárias] Insatisfeito

[Estilo] 4
[Acabamento] 5
[Posição de pilotar] 5
[Instrumentos] 4
[Conforto] 4
[Motor] 5
[Desempenho] 5
[Consumo] 5
[Câmbio] 5
[Freios] 4
[Suspensão] 5
[Estabilidade] 4
[Custo-benefício] 5

[Principais aspectos positivos] Dirigibilidade fantástica, controle total da moto. Linearidade do motor, Cambio macio

[Principais aspectos negativos] Falta do paralamas traseiro, falta de um indicador de marcha

[Defeitos apresentados] não.

[Concessionárias] Não lavaram a moto na revisão, atendimento fraco da oficina, melaram o motor de óleo na troca e não limparam.

[Comentários adicionais] Então agora que se foram 2520km em 8 dias de uso 😈 , posso postar algumas informações!
Primeiras Impressões:
A melhor moto 0km que meus R$33.990,00 poderiam comprar! rs
A primeira impressão que tive é que a moto já era minha a muito tempo, me fazia sentir-se tão seguro que eu até desconfiava! rs
A posição de pilotar é pouca coisa mais racing que a Ninjinha… Se inventarmos uma escala de motos racing onde a Daytona 675 tem nota 10 como mais racing e as Harley (subaqueiras hehe) nota 1… A ninjinha ficaria com nota 6 e a CBR-F com nota 7.
É uma moto de aceleração bem progressiva, até aproximadamente 9mil giros é até bem dócil, Depois dai ela da uma “crescida” no motor. Mas não chega a ser um coice… Isso não quer dizer que ela não é forte, mas ela é tão progressiva que você não se assusta.
A sensação de pilotar é bem agradável, a moto é bem leve (191kg seco) e baixa, dá pra sentir que o centro de gravidade é bem baixo também devido a facilidade de manobra.
No transito ela passa bem entre os carros, não é uma moto larga, os retrovisores atrapalham um pouco, mas consegui andar no transito sem fecha-los, eu diria que é bem semelhante a ninjinha no transito, mas a posição dos retrovisores favorecem a CBR em curta vantagem no transito em relação a ninjinha.
Na estrada ela é uma moto muito agradável, leve nas curvas e mandando as famosas “3 pra baixo” arranca com a força que os 102cv podem oferecer.
A garupa foi elogiada pela muié, rs.. O banco é largo e macio, a distância do estribo até o banco é maior que a da ninja, o que deixa o garupa numa boa posição. O “degrau” entre o garupa e o piloto é relativamente alto mesmo com o banco inteiriço… Acredito que andar na garupa da ER6-N seja melhor que na garupa da CBR600F… Mas andar na garupa da CBR com certeza é bem mais agradável que andar na garupa da Ninjinha.
********************
Impressões durante a viagem à Joinville – SC ( ~ 600km de SP):
Delícia de moto na estrada! O banco é bem largo e confortável, a posição de pilotagem intermediária que o semi-guidon oferece não cansa muito, a carenagem protege muito bem do vento e até 140km/h você pode andar sem o menor incomodo por conta dele.
Para dar aquela esticada, ela passa fácil dos 200km/h e o formato do tanque facilita a carenar com a moto, sendo possível olhar através da bolha como na Ninjinha.
Passa muita confiança nas curvas, na chuva também não tive nenhum susto. Ela vem muito bem calçada com pneus Bridgestone 120 na dianteira e 180 na traseira.
*********************
Comparação com a Hornet:
Motor/quadro/aros e rabeta igualzinho a Hornet 2012…
As diferenças são basicamente na suspensão e direção, além da carenagem, claro.
A suspensão da CBR tem ajustes de carga da mola e ação do amortecedor…. Tanto na traseira quanto na dianteira!
A CBR vem com semi guidon SOBRE a mesa o que garante uma posição intermediaria (como na ninjinha).
Consumo:
Na cidade ainda não medi…. =/
Na estrada andando 120~130km/h na média com alguns tirinhos curtos a mais de 200km/h fez 18,8km/l
Estabilidade:
Manda muito bem nas curvas e não vibra NADA em altas velocidades, porééémmmm…. merecia um amortecedor de direção. Passei numas não conformidades na pista bem na hora que ia dar uma esticada e ela sacudiu feito um burro brabo… a frente da aquela levantadinha e fica muito vulnerável as imperfeições da pista na hora da arrancada… Mas não é frequente.
Painel:
Todo digital. (merecia ao menos um conta giros analógico)
**Merecia ter um shift ligth e um marcador de marcha, mas isso não tem.
Freios: A minha é modelo SEM ABS. Freia muito bem, sem susto. Não é um freio tão espetacular como o da Kawasaki costuma ser, mas não deixa nada a desejar.
Câmbio: Bem macio e com marchas bem distribuídas.
Informações adicionais:
-Preço da moto: R$33.990,00 com frete na hondaComstar. (Sem ABS)
-Revisão – A cada 6mil km com troca de óleo a cada 12mil km
-Custo da primeira revisão: R$110,00 (4litros de óleo e filtro)
-Custo do seguro feito pelo Banco do Brasil: R$3.547,90 com franquia de R$5.002,00 no meu perfil (27 anos, solteiro, sem filhos, zona leste de SP, morando em casa com portão automático e usando só para lazer.).
Prós e contras:
Prós:
-Posição de pilotagem deliciosa;
-Controle total da moto, não assusta e nem deixa a desejar;
-Funcionalidade das funções de consumo do painel é muito boa, com um erro bem pequeno!;
-A carenagem desvia bem o ar quente das pernas na cidade, não queima como alguns modelos;
-Câmbio bem macio.
-Trocas de óleo a cada 12mil km (isso vai gerar polêmica, mas dane-se rs);
– Suspensão ajustável na dianteira e na traseira
Contras:
– Faltou um paralama traseiro…
– Faltou um indicador de macha e shift ligth..
– O conta giros digital não tem boa visualização..
– Merecia um amortecedor de direção..
-Merecia um farol com duas lâmpadas, apesar a H4 55/60W iluminar bem, eu acho feio rs.

[Best Cars Web Site] Bom lugar par saber opinião dos usuarios

[Data de publicação] 21/4/12