ZF apresenta bolsa inflável lateral externa pré-colisão

 

A alemã ZF apresenta o primeiro sistema de bolsa inflável lateral externa pré-colisão do mundo. A proposta do dispositivo, que dispara em frações de segundo antes que ocorra uma colisão, é reduzir em até 40% a gravidade de lesões em colisões de impacto lateral. Tais batidas estão entre os tipos mais perigosos de acidentes de trânsito, contabilizando cerca de 700 fatalidades por ano e cerca de um terço de todas as mortes de ocupantes nas estradas alemãs.

 

 

Para desenvolver o sistema, a ZF interligou as bolsas infláveis externas aos sistemas de sensores do veículo e criou algoritmos capazes de prever a iminência de uma colisão e decidir pelo acionamento ou não da bolsa. O maior desafio foi o de reconhecer de forma confiável uma colisão inevitável e assegurar o acionamento da bolsa inflável antes do choque. O sistema tem cerca de 150 milissegundos para tomar a decisão e preenchê-la.

Os sensores devem identificar um impacto potencial com rapidez e precisão, por meio de câmeras conectadas, radar e lidar (Light Detecting and Ranging). Algoritmos preveem se uma colisão é inevitável ou não e decidem se o acionamento da bolsa inflável é necessário e benéfico. Se todas essas respostas forem afirmativas, o sistema inflará a bolsa, que tem uma capacidade entre 280 e 400 litros (de cinco a oito vezes o volume da bolsa inflável para motorista). A bolsa expande-se para cima a partir da soleira lateral para formar uma zona de deformação adicional na área da porta, entre as colunas A e C.

Texto da equipe – Foto: divulgação