VW Polo e Virtus Sense, para PCD, chegam por R$ 70 mil

 

O Polo e o Virtus ganham versões Sense para o segmento de pessoas com deficiência (PCD). As duas novas opções da Volkswagen têm o mesmo preço sugerido antes das isenções, de R$ 69.990, pois a legislação impõe limite de R$ 70.000 para a isenção de ICMS e IPVA, além de permitir o uso durante o rodízio paulistano (acima desse valor o carro fica livre apenas de IPI). Ambos vêm com transmissão automática de seis marchas.

 

 

Para que o sedã ficasse no mesmo preço do hatch, foram definidas mecânicas diferentes: o Polo Sense tem o motor 200 TSI de 1,0 litro com turbo, que produz 116 cv com gasolina e 128 com álcool, enquanto o Virtus Sense usa o MSI aspirado de 1,6 litro com 110/120 cv. Os dois carros são oferecidas nas cores sólidas preta, branca e vermelha e não têm opcionais. Vêm equipados com controle eletrônico de estabilidade, direção com assistência elétrica, ar-condicionado, vidros elétricos nas quatro portas com função um-toque, retrovisores elétricos, chave com controle remoto, computador de bordo, para-sóis iluminados, sistema de áudio Composition Touch (com tela de 6,5 pol e integração a Android Auto e Apple Car Play) e sensores de estacionamento traseiros.

 

 

No caso do Polo, alguns itens da versão Comfortline foram descartados, como rodas de alumínio (são de aço de 15 pol), faróis de neblina e luzes repetidoras de direção. A Volkswagen oferece, em seu Programa Mobilidade, os modelos Up, Fox, Spacefox (versões I-Motion), Polo, Virtus, Gol e Voyage (automáticos) com isenções de IPI e ICMS, além de Golf, Tiguan Allspace e Passat com isenção de IPI.

Texto da equipe – Fotos: divulgação