VW Amarok S ganha mais potência, de 122 para 140 cv

 

A Volkswagen Amarok ganha potência na versão de entrada S, oferecida com cabine simples (com tração 4×2 ou 4×4) ou dupla (tração 4×4). O motor a diesel de 2,0 litros com um só turbo passa a fornecer 140 cv, contra 122 do anterior, por meio de nova calibração da central de gerenciamento eletrônico. Os 140 cv surgem agora a 3.500 rpm, regime 500 rpm mais baixo que antes, e o torque permanece de 34,7 m.kgf a partir de 1.600 rpm.

 

 

Na versão com cabine simples, tração 4×2 e câmbio manual de seis marchas, a Amarok agora acelera de 0 a 100 km/h em 12,6 segundos (antes, 13,2 s) e alcança velocidade máxima de 168 km/h (eram 162). Com cabine dupla e tração 4×4, os números são de 13,1 s e 167 km/h (antes, 13,7 s e 161 km/h). A Amarok é oferecida em sete opções, entre cabine simples e cabine dupla, tração 4×2 e tração 4×4, caixa manual de seis marchas e automática de oito marchas.

 

 

  • Rigoberto Santos

    Esse motor da Amarok é uma verdadeira bomba. Tem problema cronico na correia dentada. A Vw criou uma gambiarra para aspirar o pó da correia dentada, mas ainda existem varios casos de Amaroks que são usadas apenas na cidade e tem problema de desgaste prematuro da correia dentada. Basta uma procura no google por “problemas motor amarok” para encontrar várias reclamações.

  • João Victor

    Depois dos problemas com o motor do Gol, a VW pegou gosto pela coisa…

  • Andre Thiel

    Ainda bem que eu não tenho dinheiro para comprar!

  • Rogério Ferreira

    Dessa eu não sabia… Aliás, não entendo porque os fabricantes insistem com a correia dentada para sincronização do motor, se a maioria dos bons automóveis e pick-ups, usam corrente. No caso da VW é mais estranho ainda… pois o motor a 2.0 turbo a gasolina do Jetta TSI usa corrente, e o 2.0 turbo diesel da Amarok, correia! curiosamente o Passat FSI até 2010 com motor idêntico ao Jetta TSI, também usa correia… e “feliz” do proprietário de um passat FSI 2007/2010 que está chegado aos 60, 70 mil km… Preço do kit correia + tensor do Passat FSI 2010: cerca de 1.500 reais! mão de obra em oficina independente: 500 reais, ou seja, na melhor das hipóteses, 2000 reais para trocar uma correia!.

  • http://twitter.com/bonfimesilva Wagner Bonfim

    Acredito que esses motores Diesel novos, não só da Amarok, são bem “delicados”. A injeção direta utilizada, common rail, é problemática e uma fortuna para ser reparada (coisa de R$ 7000,00 pra cima). Nosso combustível é de baixa qualidade e alguém confia que os donos de postos não vendem o diesel comum como S50?

  • http://twitter.com/bonfimesilva Wagner Bonfim

    E a VW ainda não divulgou os preços?

  • Alan Costa

    Deve ser muito bom guiar esse motor com esse cambio da volks de 6 marchas. carro diesel manual sempre tem cambio de caminhão…
    resta saber se a rede ja aprendeu a lidar com um motor a diesel

  • Rigoberto Santos

    400 mil motores com problema e a VW disse que a culpa era o fornecedor do oleo. Disse que a troca de oleo iria curar milagrosamente o problema. Hoje em dia tem gol, voyage, e fox trocando motor pela terceira vez, e mesmo modelos 2012 2013 apresentam problemas de motor. Na Europa também não é diferente. Os motores 3 cilindros tem problema, o 1.4 TSi tem problema cronico de desgaste, e o motor do Jetta Tsi e Tiguan tem problemas de injeção eletronica. Para mim, VW nunca mais

  • Felipe

    a Ranger tem 200cv Diesel e também cambio automático de 6 marchas…deve ser bem melhor de guiar…

  • Ivan

    Espero que a minha S10 Flex não tenha qualquer problema do tipo! heheheh Adoro o carro!

  • gabriel nunes

    Ranger é mais potente e não dá problema de motor.

  • Alan Costa

    Me referi as manuais, e a VW sabe fazer cambio MT como ngm , realmente esse 5 caneco da ranger e o q ha de melhor em diesel no pais, mas tenho ctz q dauqi 5 anos vai ser mico pq o ze da esquina nao vai saber mexer e td mundo vai achar q o melhor motor e o da S10 nao inferior , mas nao tao moderno…

  • João Victor

    Pois é amigo, não se fazem mais VW como antigamente. O motor a “ar” era realmente durável, além da sua simplicidade. Essa história do óleo é sempre repetida, mas eu não acredito nisso. Se em 1950 não acontecia isso com um óleo bem menos desenvolvido, não seria no século XXI que isso iria ocorrer…problema de engenharia, esse é o nome do “defeito”.

  • João Victor

    A Ranger é bruta de verdade, essa Amarok é muito novata na cena. Não que ela seja ruim, mas acho que ela precisa amadurecer mais como produto, principalmente em durabilidade.

  • Vinicius

    Nooossaaa, que diferença………….. 18 cavalos a mais para ter desempenho de carro 1.0 ………………….. Lixo !

  • Rafael_B

    Só uma coisa:
    Já ouviu falar em tolerancia de folga?
    Sabe que um objeto, como um fio de cabelo de 1 cm de comprimento pode travar muita bomba e até alguns motores por aí?
    E que antigamente folgas eram na casa decimal?
    Tem muito achismo nesse post….

  • Rafael_B

    Carro 1.0 leva 5 passageiros.
    Picape diesel leva 5 pneus de 250 kg cada um.
    Depende da sua necessidade, ir no boteco da esquina ou trabalhar, cada um é bom pra uma coisa…

  • Rafael_B

    Quantos KM voce já rodou com a sua, Gabriel?

  • gabriel nunes

    Eu nao tenho Ranger. Meu pai tem, meus primos tem, e ninguém nunca teve problema de motor. Meu pai já tá na segunda. Um deles já torceu o cardã, que é fino pro torque do motor. Eu tenho uma Kyron, que o único problema que deu foi na junta viscosa (trocada na garantia). E olha que eu não poupo ela. Enfio no barro e na areia, toco em estrada de pedra na Serra da Rocinha, etc. Desde 2007 a Kyron tem motor diesel 2.0L com 1 turbo e 141 cv. Muito econômico por sinal.

  • César Oney Cabral

    A Freelander hse diesel da um banho em todas….

  • Ian Bono

    Engraçado que la na empresa tem uma Amarok simples (122cv) beirando os 80 mil km que nunca deu problema no motor, vem se mostrando um carro muito resistente para o uso de frota, melhor que a Nissan Frontier. Eu não sou partidário da pick up A, B ou C, até porque tenho um automóvel de segmento bem diferenciado, porém os VW sempre são confiáveis e resistentes, dos 1.6 até o 2.0 TDI…é uma pena que estejam relatando esses problemas, gosto da linha VW, porém com esses comentários da certo receio de pensar em um…

  • Rigoberto Santos

    VW sempre confiaveis? O que vc diz dos 400mil motores de fox, voyage, e gol com problemas. A justiça gaucha pediu o recall, mas foi negado. É facil encontrar reclamações de donos de gol, voyage, e fox com motores sendo trocados pela segunda, ou terceira vez, ou mesmo em modelos mais novos. A Amarok tem problema cronico de correia dentada, entre outros. Basta procurar no google ou, reclame aqui, vrum para encontrar varias reclamações. De confiavel VW não tem mais nada. Era coisa do tempo do fusca, mas o tempo de fusca acabou.

  • fernando

    eu Prefiro muito mais a nova S-10 , É MUITO MELHOR EM TODOS OS ASPECTOS.

  • lobim

    Estou com meu terceiro Gol, G4, G5 e G5 1.6, nenhum deles deu problema nenhum, não queimou nem uma lampada se quer, e olha que eu sou daqueles que adoro um pé no fundo…talvez este motor seja feito pra andar mais forte e não passar as marchas em 1.500 rpm com o motor batendo por baixa rotação, como os brasileiros adorão fazer.
    Se quer se arrastar pelas ruas, compra um fiat.
    O Gol é muito caro e não vale o que custa, mas que é bom…isto é.

  • lobim

    “NOVA S-10 ???”
    Que nova…..toda a parte mecanica é a mesma, só mudarão a lataria e o preço, alem disso a suspenção da S-10 é muito instavel.
    A GM já foi boa, no tempo da D-20.
    A Ford era boa no tempo da F-1000, mas pelo menos a Ranger continua rasoavel.
    Amarok….esta eu nunca andei, então não posso falar muito.

  • fernando

    SOU MUITO MAIS A S-10

  • Rafael_B

    Desculpe, mas como uma fabricante centenária de veículos como a Ford pode deixar passar essa de “cardã muito fino”. Os picapeiros Ford andam estudando muito cisalhamento, pq se nem o pessoal da engenharia da Dana e da Ford descobriram ainda…
    E outra, se voce manja tanto de picape a diesel assim, não deveria postar um comentário tão chulo como “é mais potente”. E daí? Parece comercial de poneis malditos da Nissan. Caminhonete tem que tem força e ser confiável e robusta. Mais nada.
    A Hilux tem míseros 104 cv e já carreguei mais de 1500 kg nela pra subir a serra e nada, cumpriu a função. Então é a mesma coisa que eu falar que a Ranger antiga é feia.

  • Rafael_B

    Lembro na primeira metade dos anos 90, quando falavam que a injeção eletronica era delicada e problematica e custava uma fortuna pra ser reparada.
    Existem muitos motores common rail no mercado especificados pra diesel S500, tanto de caminhonetes como de equipamentos. Uns vão bem, outros nem tanto.
    Quem sofre de verdade são os bicos, que realmente são joias da engenharia e não aceitam agua de rio como combustivel. Aí travam mesmo.
    Aí meu amigo, a história passa como telefone sem fio.
    Eu te digo que o motor é bom e economico, mas o problema é o combustivel. Voce entende que o motor não presta e gasta muito combustivel bom.

  • gabriel nunes

    Olha cara, a palavra chulo tem uma definição um pouco diferente do que a minha opinião ou o meu comentário acima.
    Realmente, eu não sou um expert em veículos a diesel. Tive só 3 e fiz mais de 1000000 km neles, mas é só. Não sou engenheiro mecânico ou coisa do tipo. Não sabia que este espaço era restrito a experts. Me desculpe se a minha ignorância te fere. O cardã da Ranger é um detalhe conhecido há muito tempo dos seus proprietários. A Ford aumentou o torque do motor e manteve o mesmo cardã ao longo das gerações, aí deu no que deu. Além do mais é um fato objetivo que a Ranger tem muito mais motor que esta vw e é uma excelente picape (na minha humilde opinião), diferentemente de eu afirmar que é feia, etc. Como vc deve ter percebido, atualmente eu não tenho nem ford nem vw. Talvez vc tenha investido 120 mil numa vw e está chateado pelo carro não corresponder às tuas expectativas, ou tem um a Hilux antiga que leva meia hora pra chegar a 100km/h e acha isso aceitável mas eu acho que trolar aqui não vai te ajudar a sublimar tua decepção. Abraço

  • Rogério Ferreira

    Eu não gosto de pick-ups, aqui no serviço tem uma L200 GL, e é de longe o pior veículo que já dirigi na vida. Conforto de Jipe (6 horas de viagem, e você já está todo moído), aperto de Chevette, desempenho de carrinho mil e consumo ridículo… 75 litros diesel, é quase a conta para percorrer 500km! E está com um problema na turbina… no meio da ultrapassagem a luz da injeção acende, e ela perde a força… maior perigo.. aí tem que , deligar o motor, ligar novamente, aí a pane acaba… preço da substituição da turbina: 12.000 reais! Ninguém aqui tá querendo autorizar o serviço devido ao preço do reparo.

  • Cristian Silva

    Pick-up feia, motor horroroso e marca que perdeu a identidade com o passar dos anos. Depois da F250 a única caminhonete decente que ficou é a RAM e só.

  • Rafael_B

    Nem uma nem outra. Mas quem falou de especialista aqui? Você e seu clã bateram o martelo que o cardan não presta, devido à super potencia do motor. Não seria simplesmente MAU USO?
    De resto, nem vale a pena comentar…

  • Rodrigo

    Gostaria de te fazer um pergunta simples, por acaso você tem uma? Eu comprei uma em fevereiro já andei mais de 14.000 km e nada, para falar tem que ter ou se informar direito… Internet tem muito lixo… O carro é show, não troco por nada, por luxo de Hilux, DNA Ford, e outras lendas da internet… O carro é grudado nas curvas e anda demais… A correia só apresentou problemas em caminhonetes que trabalhavam em mineradoras, e esta sendo feito recall. Agora me fala da Toyota Corolla teve um recall de milhões de veículos, o maior da história e nem por isso é ruim… O que acho estranho é que nego fala sem saber vai repetindo, repetindo e acha que é verdade real…

  • Rigoberto Santos

    Não foi apenas em casos de mineiradoras. O VRUM deixa claro: “Novamente, a reportagem ouviu diversos proprietários, frotistas ou não, que usam a Amarok para fins diferentes e moram em regiões diferentes. Alguns trafegam em área de minério, outros nunca passaram nem perto. Mas todos reclamam do desgaste prematuro da correia (em alguns casos de rompimento), com diagnóstico de troca na maioria das vezes a cada 10 mil quilômetros” (VRUM)

    ““Comprei uma em 2011 com 15 mil quilômetros rodados. Meu uso era dentro da cidade. Aos 34 mil a correia arrebentou e estragou o cabeçote.” (Vrum, Leonardo Curi)

    Fica ai o FATO, de que não é apenas o caso de amarok de mineiradoras que tem o problema. Tem outros casos e relatos no VRUM e na internet. Se voce tem uma, eu aconselho a ficar de olho na correia dentada. Voce pode estar com uma bomba na mão e não sabe, ou não quer ver.

  • Rigoberto Santos

    Claramente voce deve ser admirador da marca, e pelo jeito, mesmo se tivesse problema não contaria. È como aquele velho ditado que diz que dono de VW com problema é igual a hemorroidas. Quem tem esconde, ou quando diz que tem, diz que não encomoda. Qual deles é o teu caso?

  • lobim

    Imagina só…se o carro fosse problemático, eu simplesmente teria comprado outra marca, não iria ficar repetindo o carro.
    Mas esta sua comparação com hemorridas foi engraçada, kkkkkkk

  • Rigoberto Santos

    Se voce ainda tem VW é porque certamente não teve oportunidade e o prazer de experimentar outras marcas. Quem sai da VW não volta mais. É fato! Hoje em dia existem opções no mercado muito melhores que as carroças da VW. Insistir em comprar vw é igual aquela coisa do erro. “herrar é umano”, mas insistir em comprar VW é burrice….(risos)

  • Acemar Ferrara

    Com certeza você deve achar o Novo Uno, que de novo não tem nada, um carrão né?

  • Fernando

    Tenho um Fox 1,6 2011 com quase 60mil km e até agora nao deu problema algum no motor. Tirei zero e foi meu primeiro VW. Todas as revisoes foram feitas em concessionaria, nao sei se essa foi a diferença. Ah, tambem só abasteço com gasolina aditivada de postos confiaveis.

    Quanto as reclamacoes em relaçao a marca, fico pensando em qual carro pegar e, comparando carros de mesmo segmento que o Fox:

    New Fiesta: nao tem iluminacao no porta luvas nem nos espelhos do para sol (o Fox tem nos dois parassois), nem luzes de leitura traseiras que o Fox tem.

    Punto: nao consigo engolir aqueles farois de parabola simples…

    Sonic: tem só airbags frontais. Ok, o Fox tambem, mas o Sonic la fora tem 6 e tiraram 4, entao pra mim ja perdeu pontos com isso.

    Fora que o motor da VW tem bom torque em baixas rotaçoes e o considero relativamente economico. De reclamaçoes tenho os dois mecanismos dos vidros dianteiros trocados (parece que é problema cronico), mas da parte mecanica nao posso reclamar. Apenas trocas de oleo e pastilhas de freio, logicamente por desgaste. Por conta de concorrentes de certa forma inferiores, penso seriamente em trocar por outro Fox…

  • http://twitter.com/bonfimesilva Wagner Bonfim

    Rapaz, eu imagino a dor de cabeça de quem adquire uma Amarok e mora nos locais em que a qualidade do diesel é duvidosa ou que não possui uma rede de distribuição adequada. Se der algum problema, com certeza vai ouvir da rede autorizada que o causador foi o combustível (que é a resposta padrão até para motores com ciclo de Otto).

  • Rafael_B

    Não discordo de voce Wagner. Mas os novos tempos estão aí, temos que adotar novos conceitos que realmente nos trazem benesses, embora, infelizmente, o diesel é um grande vilão, pois convivo com isso.
    A qualidade do combustivel é precária aqui mesmo em SP.

  • Fernando

    Se o Jetta de 120cv ganhasse 18 muita gente ia ficar feliz.

  • João Victor

    Sabia sim, mas me desculpe, ninguém se referiu a tolerância de folga no post. Ninguém disse também sobre objetos dentro dos motores. Agora vai me dizer que o problema de “óleo” da VW era por causa da tolerância de folga? Amigo, só quis elucidar uma comparação com os motores a “ar” por serem bem menos desenvolvidos, e durarem muito mais do que os modernos. Se formos no apegar ao seu comentário, seria ainda pior pra VW, já que se ela fazia motores duraveis no passado e os de hoje são essas porcarias, ela deveria voltar a 1950…

  • Rafael_B

    Olha, faz assim, compra seu VW Gol GVI com motor batedeira, e seja feliz!
    Não esqueça de abrir uma retifica de motor a gasolina, pois voce vai precisar aos 80 mil km.

  • Rafael_B

    Com certeza voce também não teve o prazer de possuir VW´s alemães, como o Passat ou Touareg.
    Por incrível que pareça, tem a mesma marca do Gol.

  • João Victor

    Que belo argumento! Mas não preciso de ajuda para escolher meus carros, mesmo assim valeu a tentativa. Se quer defender a VW com seus motores “bomba” ok, mas assim como me aconselhou, abra um comércio, mas no seu caso de motores, pois nem retifica vai te ajudar.

  • João Victor

    Não podemos comparar os nacionais com os importados, lá fora eles tem excelentes produtos.

  • João Pedro

    Esse Rigoberto Santos está postando em todos os sites que divulgaram esta notícia da mudança de motor da Amarok. E o incrível ele posta sempre o mesmo comentário. Com certeza é vendedor de alguma marca kkkkkkkkkkk

  • Rigoberto Santos

    Conside-se sortudo de ter tido apenas os problemas cronicos dos vidros eletricos no seu fox. Voce deveria jogar na loteria com mais frequencia.

    Pelo seu relato voce deve dirijir o tempo todo com o porta luvas aberto durante a noite, e tambem deve retorcar a maquiagem com muita frequencia, dai a imensa importancia do para sol com espelho. Também imagino que voce deve ter motorista e vai sentado no banco traseiro para aproveitar as luzes de leitura traseira. Muito importante na hora de escolher o seu fox com motorista.

    Deve dirigir o tempo todo com o farol alto ligado, para ter certeza que vai estar usando os farois de dupla parabola, já que com luz baixa voce só vai usar parabola simples mesmo.

    Pena mesmo que o Sonic tenha apenas 2 airbag, mas se fosse assim voce jamais teria um fox. Na Europa o Fox nunca teve banco guilhotina, e por lá o Fox passou o maior vexame e saiu de linha. Se é pra considerar lá fora, então esqueça o fox.

    Qual motor 1.6 oferecido no Brasil tem potencia menor que o Fox? Um motor da decada de 70, que tem a menor potencia entre todos os motores 1.6 no Brasil. Passa a impressão de ter bom torque em baixa rotação, mas pelas relações de marcha curtas, mas perde todo o encanto em altas rotações ou quando o carro está carregado. Um problema bastante comum em Spacefox e Golf 1.6.

    E depois disso voce ainda pensa em comprar outro fox? Insistir no erro ….

  • Fernando

    Bom, eu tento fazer um comentario isento e voce vem com ironias desnecessarias. Eu nao retoco maquiagem, mas minha namorada sim. Se voce só anda com homens no carro voce nao deve ter esse tipo de preocupaçao. Sobre a luz no porta luvas, é bom saber que ela está la quando precisar procurar algo a noite. Luzes de leitura traseira idem para passageiros. Farois com dupla parabola? Cada uma otimizada para um facho… Pelo jeito voce deve ser daqueles que andam apenas com as luzes de posiçao acesas, mesmo em estrada, entao nao deve ligar para isso…

    Sobre o banco guilhotina, tem um adesivo enorme colado junto a alça de levantamento, tambem conhecido como instruçoes. Eu sei que brasileiro tem o pessimo habito de ignorar aquele livreto que vem em quase todos os produtos, chamado manual de instruçoes. La tem instruçoes bem claras de como nao ter dedos decepados. Realmente, é triste que algumas pessoas tenham que ter perdido dedos para que isso acontecesse, mas hoje em dia existe o aviso para tal e basta segui-lo que beleza. Assim como existe um adesivo orientando o uso de airbags, por exemplo.

    Inclusive, antes de comprar eu olhei o crash test do Fox na europa e o mesmo obteve 4 estrelas, ainda que no padrao de segurança mais antigo.

    Agora, acho engraçado voce questionando ‘mimos’ de carros atuais como luzes de cortesia e de leitura, farois mais modernos e etc e criticar o ‘motor da decada de 70′. Inclusive o carro fica a cerca de 3200 rpm a 120 km/h, o que mostra que esta longe de ser curto.

    Ja deu para perceber claramente que voce odeia a VW, sabe-se la por que, e tambem nao tenho o minimo interesse em saber. Agora, nao é porque voce esta falando que eu vou deixar de comprar.
    Eu escolhi o carro com base em requisitos como segurança, itens de conveniencia, relaçao de cambio, economia, etc, e nao amor/odio a marca.

  • Rodrigo

    Só tenho a dizer uma coisa, a minha é 2012/13 18.000 km e
    nada de nada…. Já vai pra revisão dos 20.000 km, minha região tem de tudo,
    todos relevos e situações afinal MG é um mini Brasil. Vou continuar apertando
    para ver onde vai, só assim vou quebrar esses paradigmas…

    Caso queria referencias da minha é só entra em contato com a
    rede CIAC de são lourenço-MG eles sabem como ando e quanto ando! Sorte na sua,
    pois NÃO tenho nada a reclamar do produto…

    Só a título de informação tudo que esta em linha de produção
    no MUNDO apresenta algum tipo de defeito, na casa dos 20%, sendo assim, estamos
    todos sujeitos a intempérie na compra de algo, não acho incomum esses defeitos,
    penso que algum podem dar azar…. O que nos resta como consumidores é fazer
    esse numero cair.

    Abraço

  • Rodrigo

    Meu irmão, eu estava desconfiado dele, concordo contigo, tem um post meu antigo, que respondi hoje… Lê lá embaixo.
    Rodrigo