Toyota chama Corolla e Etios: defeito em bolsa inflável

 

A Toyota convoca no Brasil os modelos Corolla (de 2007 a 2014) e Etios (de 2012 a 2014) para serviços relacionados a bolsas infláveis, mais uma consequência de defeitos nos deflagradores (que causam o disparo da bolsa) do fornecedor Takata. Os Corollas produzidos de 24/10/2007 a 23/12/2009, em total de 97.796 unidades, passam por duas etapas: amanhã (1/11) começam a desativação da bolsa do passageiro e a fixação de etiqueta adesiva no painel para alertar para o fato; em 23/1 inicia-se a substituição do deflagrador e a reativação da bolsa.

 

 

A outra campanha afeta os Corollas produzidos de 9/1/2012 a 14/2/2014 e os Etios produzidos de 7/5/2012 a 29/9/2014, em total de 114.539 Corollas e 91.353 Etios. Para esses carros, em 14/11 começa a troca do deflagrador da bolsa do motorista. Para ambas as campanhas, que são gratuitas, recomenda-se agendar horário em concessionária. Informações pelo telefone 0800 703 0206 ou www.toyota.com.br.

Segundo a Toyota, testes no Japão apontaram “a degradação do componente após longos períodos de exposição a altas temperaturas, grandes variações de temperatura e alta umidade. Este fato torna o deflagrador mais suscetível a romper-se inadequadamente, em caso de colisão, o que pode provocar a dispersão de fragmentos de metal da carcaça do deflagrador e causar lesões físicas graves ou até mesmo fatais”.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação