Porsche Cayenne Turbo S híbrido: 680 cv a R$ 946 mil

 

O Porsche Cayenne ganha sua versão mais potente: a Turbo S E-Hybrid, um híbrido com recarga externa (plug-in) que obtém potência combinada de 680 cv. O conjunto associa um motor V8 de 4,0 litros (550 cv) e um motor elétrico (100 kW/136 cv) integrado à transmissão automática de oito marchas. O torque máximo do sistema é de 91,8 m.kgf.

 

 

Disponível com a carroceria tradicional e na mais esportiva Coupé, esse Cayenne acelera de 0 a 100 km/h em 3,8 segundos e atinge velocidade máxima de 295 km/h, sem abrir mão da eficiência: pode rodar até 40 km em modo elétrico e seu consumo, segundo o ciclo NEDC, gira em torno de 26 km/l de gasolina e 19 kWh/100 km de eletricidade. O modo elétrico permite alcançar 135 km/h. O pacote Sport Chrono oferece os modos de uso Hybrid Auto, Sport e Sport Plus.

 

 

 

A bateria de íons de lítio é instalada sob o assoalho da área de carga e tem 14,1 kWh de capacidade. Pode ser totalmente carregada em 2,4 horas com o carregador de bordo, de 7,2 kW, e tomada de 400 volts com fusível de 16 amperes. Em tomada doméstica convencional de 230 volts e 10 amperes, a recarga leva 6h. O processo pode ser programado pelo aplicativo Porsche Connect para telefone e Apple Watch.

 

 

O Cayenne Turbo S E-Hybrid vem com recursos como sistema de estabilização de rolagem, suspensão a ar, bloqueio do diferencial traseiro com vetorização de torque, freios de composto de cerâmica e rodas de 21 pol. Opções são rodas de 22 pol e eixo traseiro com esterçamento. No Brasil apenas o modelo de carroceria tradicional está à venda ao preço sugerido de R$ 946.000.

Texto da equipe – Fotos: divulgação