Peugeots 308 e 408 deixam de ser vendidos no Brasil

 

Os Peugeots 308 e 408 deixam de ser vendidos no Brasil, como confirmou o fabricante. Embora continuem em produção na Argentina, de onde sempre foram importados, o hatch e o sedã encerram por aqui as carreiras iniciadas em 2012 e 2011, na ordem. A razão é o baixo interesse do mercado: no ano passado foram emplacadas 434 unidades do 308, enquanto o sedã alcançou 739 exemplares.

 

 

O 308 foi vendido no Brasil com os motores aspirados de 1,6 e 2,0 litros e com o THP turbo de 1,6 litro, este o único oferecido nos últimos anos. O 408 teve versões com o 2,0 e o THP apenas. Ambos passaram por uma remodelação na linha 2016, mas não acompanharam as novas gerações lançadas na Europa (308) e na China (408), o que os deixou defasados perante os principais concorrentes. Os modelos vinham sendo oferecidos nas versões Business THP, ao preço de R$ 70 mil, e Griffe THP, por R$ 90 mil.

 

308

 

408

Texto da equipe – Fotos: divulgação