Perua Auris seria boa opção para Toyota no Brasil

FacebookTwitterGoogle+Bookmark/FavoritesEmailPrintShare

 

A Toyota brasileira deixou de fabricar a Fielder, a perua derivada do Corolla, em parte porque a geração atual do sedã não prevê esse derivado (a perua existe apenas na linha japonesa, que tem carroceria mais estreita). Se quisesse voltar ao segmento, porém, a empresa faria bem em mirar em sua oferta no mercado europeu, que acaba de receber a Auris Touring Sports, derivada do hatchback Auris lançado no mesmo Salão de Paris.

 

 

De linhas modernas e com um toque esportivo, a perua é 28 cm mais longa que o hatch na traseira, mantendo o entre-eixos de 2,60 metros, também igual ao do Corolla brasileiro. À venda no começo do próximo ano, ela oferece quatro motores: 1,3 e 1,6-litro a gasolina, 1,4 e 2,0-litros turbodiesel e um sistema híbrido (gasolina e eletricidade) similar ao do Prius, com motor 1,8 e unidade elétrica que combinam 136 cv. Na Europa, encara concorrentes como as peruas Opel Astra, Renault Mégane, Ford Focus e Peugeot 308.

 

Texto: Fabrício Samahá – Fotos: divulgação

 


Mais sobre: