Novos Mercedes-AMG A45 S e CLA 45 S vão a 421 cv

 

A Mercedes-AMG lança de uma só vez as versões de mais alto desempenho dos novos Classe A hatch e CLA sedã: o A45 e o CLA 45 4Matic+. Como na geração anterior, o motor é um turbo de 2,0 litros, mas a empresa diz ser um projeto completamente novo — e o motor de quatro cilindros mais potente da produção mundial. Agora são duas opções: básica, com 387 cv e torque de 48,9 m.kgf, e S, com 421 cv e 51 m.kgf.

 

 

O desempenho impressiona: o A45 S acelera de 0 a 100 km/h em 3,9 segundos (4,0 s no CLA 45 S), enquanto as versões básicas o fazem em 4,0 e 4,1 s, na ordem. A máxima é limitada a 250 km/h nos básicos e 270 nos S, mas o pacote AMG Driver‘s permite 270 também nas primeiras versões. Todos operam com caixa de dupla embreagem e oito marchas e tração integral permanente 4Matic+, que pode dividir o torque entre as rodas traseiras de modo desigual, graças a um diferencial com duas embreagens multidisco, uma para cada lado. As rodas são de 18 pol no 45 básico e de 19 pol no 45 S, com opção de alumínio forjado no segundo caso.

 

 

 

A suspensão AMG Ride Control inclui amortecedores com controle eletrônico, ajustável entre três modos, e o escapamento tem válvula para controle do nível de ruído conforme o programa de condução. Esses programas são seis: Slippery para pisos escorregadios, Comfort, Sport, Sport +, Individual (configurável) e Race (corrida), o mais ousado. Além das alterações visuais mais comuns por fora e por dentro, os novos AMGs trazem o modo Supersport para o painel, que organiza os instrumentos com o conta-giros no centro e informa forças g, potência e torque, entre outros itens.

 

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação