Novo “Lambo” Aventador terá V12 com supercapacitores

 

O sucessor do Lamborghini Aventador manterá o motor V12 de aspiração natural, mas com auxílio elétrico, cuja energia será armazenada em supercapacitores e não em baterias. É que revelou Maurizio Reggiani, chefe de engenharia da marca italiana, à revista Road & Track.

 

 

“Fomos os primeiros a usar um supercapacitor no Aventador para a bateria de partida”, conta Reggiani, “e estamos convencidos de que, para um superesportivo, é uma das soluções mais adequadas”. A maior vantagem dos supercapacitores sobre as baterias dos sistemas híbridos é a eficiência em termos de energia vs. peso. O recurso permitiria ampliar o torque em baixas e médias rotações e reduzir consumo e emissões de CO2, sem afetar as emoções produzidas pelos 12 cilindros em altos giros. “O V12 ainda tem vida longa, mesmo na era da hibridização”, aponta o engenheiro.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação (Aventador SVJ)