Novo BMW X6 traz desenho imponente e V8 de 530 cv

 

O BMW X6 entra na terceira geração desde 2008 com um desenho mais anguloso e imponente, seu principal argumento para se diferenciar do novo X5, do qual é derivado. As enormes grades dianteiras (que podem se iluminar durante a condução e quando o carro é destravado), as lanternas traseiras alongadas e as rodas de até 22 pol sobressaem no estilo. Os faróis de leds podem ter a tecnologia Laserlight para alcance de até 500 metros.

 

 

O grande SUV cresceu para 4,93 metros de comprimento, 2 m de largura e 2,98 m entre eixos, mas pouco mudou em altura (1,70 m). No interior, tanto o quadro digital de instrumentos quanto a central de áudio usam telas de 12,3 pol. Entre os recursos disponíveis constam ar-condicionado de quatro zonas, teto solar panorâmico, sistema de áudio Bowers & Wilkins Diamond com 20 alto-falantes e as numerosas assistências ao motorista já conhecidas na marca. O X6 continua a ser fabricado nos Estados Unidos, onde as vendas começam em novembro.

 

 

Quatro motores formam a linha inicial. Dois são turbo a gasolina: no X6 S-Drive 40i (tração traseira) e no X6 X-Drive 40i (tração integral) vem um seis-cilindros de 3,0 litros com 340 cv e torque de 45,7 m.kgf, enquanto o X6 M50i traz um V8 de 4,4 litros com dois turbos, 530 cv e 76,5 m.kgf, suficiente para 0-100 em 4,3 segundos e máxima de 250 km/h. As opções turbodiesel são X-Drive 30D (seis cilindros, 3,0 litros, 265 cv e 63,2 m.kgf) e M50D (mesma configuração com quatro turbos, 400 cv e 77,5 m.kgf), este apto a 0-100 em 5,2 segundos. A suspensão pode ter molas a ar e sistema ativo para controlar a inclinação em curvas.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação