Mercedes: híbrido para Classe S, hidrogênio para GLC

 

Híbrido, elétrico ou pilha a combustível? Alguns fabricantes têm investido nas três soluções, como a Mercedes-Benz, que no Salão de Frankfurt apresenta um Classe S híbrido e um GLC a hidrogênio. O S 560E, híbrido com recarga em tomada (plug-in), combina um motor elétrico de 90 kW (122 cv) a um V6 turbo a gasolina de 3,0 litros e 367 cv. A associação melhora o desempenho e permite baixíssimo consumo: 47,7 km/l pelo padrão europeu. A versão usa caixa automática de nove marchas, pode rodar 50 km em modo elétrico e permite acionar a climatização interna por um aplicativo de celular.

 

 

O GLC F-Cell é o primeiro carro de produção com pilha a combustível e recarga externa da bateria, de modo a manter o uso do motor elétrico mesmo que não haja posto de hidrogênio por perto. Dispõe de 200 cv e torque de 35,7 m.kgf e pode rodar 437 km com o tanque de hidrogênio ou 50 km apenas com eletricidade. O lançamento da versão será anunciado em breve.

 

S 560E

 

GLC F-Cell

Texto da equipe – Fotos: divulgação