Mercedes Classe A Sedan chega a partir de R$ 140 mil

 

A linha Mercedes-Benz Classe A ganha versões sedã no Brasil. O modelo chega mais barato que o A250 hatch e com proposta mais simples que a do CLA: a versão A200 Sedan Style tem preço sugerido de R$ 140 mil, enquanto o A200 Sedan Advance custa R$ 170 mil. Ambos usam motor turbo de 1,3 litro, 163 cv e torque de 25,5 m.kgf, desenvolvido em parceria com a Renault, e transmissão de dupla embreagem e sete marchas. A fábrica anuncia aceleração de 0 a 100 km/h em 8,1 segundos e velocidade máxima de 230 km/h.

 

 

 

A Mercedes destaca o espaço interno para sua categoria (4,55 metros de comprimento, próximo ao do Honda Civic), mas o porta-malas é modesto: 430 litros de capacidade. O interior oferece o sistema de áudio MBUX, Mercedes-Benz User Experience. Na versão Advance, com duas telas integradas de 10,2 pol, as funções podem ser acionadas por meio do volante, do painel tátil no console, via toque na tela ou pelo controle vocal com reconhecimento de fala, ativado pelas palavras-chave “Olá”, “Oi” ou “E Aí” seguidas por “Mercedes”. O comando ativa funções como ajuste do ar-condicionado, escolha de estação de rádio e abertura da persiana do teto solar. O Style usa telas de 7 pol.

 

 

Outras diferenças da versão Advance são opção de interior em bege, teto solar elétrico panorâmico e banco do motorista com ajustes elétricos e memória. Ambos vêm com câmera traseira de manobras, rodas de 18 pol, frenagem autônoma para evitar colisão e bolsas infláveis laterais dianteiras, de joelhos do motorista e de cortina.

Texto da equipe – Fotos: divulgação