Mercedes-AMG GT: híbrido de quatro portas e 800 cv

 

O Porsche Panamera ganhará um forte concorrente daqui a um ano. Setembro de 2018 é a data para chegar ao mercado europeu o Mercedes-AMG GT de quatro portas (ainda sem denominação oficial), projeto que inclui versões de até 800 cv. De acordo com a revista inglesa Autocar, essa será a potência do conjunto híbrido do supersedã, previsto para 2019, com motor V8 a gasolina de 4,0 litros associado a um elétrico para acelerar de 0 a 100 km/h em menos de 3 segundos. Antes estará disponível a versão apenas a combustão com mais de 600 cv no mesmo V8.

 

 

O desenho deve manter grande parte do mostrado no conceito do último Salão de Genebra. Apesar da ligação ao cupê AMG GT, a plataforma do sedã será derivada da que serve ao Mercedes-Benz Classe E com maiores comprimento e entre-eixos, mas altura reduzida. O conceito, para referência, media 5,07 m de ponta a ponta com 2,05 m de largura. Assim como no Classe E, a transmissão ficará na frente, enquanto a do cupê vem em transeixo na traseira. Preços estão previstos para faixa acima do Panamera Turbo.

Nas fotos, a versão conceitual de Genebra.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação