Kia Ceed muda de geração e ganha em segurança

 

A Kia leva ao Salão de Genebra, em março, a terceira geração do hatch médio Ceed (agora grafado assim, não mais como Cee’d). Para atender ao gosto europeu a marca sul-coreana o desenvolveu em Frankfurt, Alemanha, para produção em Zilina, Eslováquia, como o antecessor. Seu estilo destaca a grade longa e baixa, o perfil rebaixado do teto e a linha reta na base das janelas, em vez da curva do anterior. No interior os materiais sugerem maior refinamento e há recursos como tela “flutuante” de até 8 pol para áudio e navegação, bancos dianteiros com ventilação e aquecimento e carregador de celular sem fio.

 

 

Os auxílios à segurança abrangem monitor frontal com frenagem automática, controlador de distância à frente e assistentes de faixa, de faróis e de trânsito congestionado (segue o fluxo assumindo também a direção). O Ceed cresceu 2 cm em largura, mantendo comprimento e entre-eixos, e ganhou espaço interno. Os motores na Europa serão 1,0-litro turbo de 120 cv, 1,4 aspirado, 1,4 turbo de 140 cv e 1,6 turbodiesel de 116 ou 136 cv. O 1,4 turbo e o diesel podem vir com caixa de dupla embreagem e sete marchas.

 

Texto da equipe – Fotos: divulgação